SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Olimpíada de Matemática

Estudantes premiados da rede pública recebem medalhas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 12/07/2016 18:28

Agência Brasil

Estudantes do Distrito Federal premiados na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) de 2015 foram homenageados hoje (12) na cerimônia regional de premiação, no Museu da República, em Brasília. Ao todo, os alunos do DF conquistaram 180 medalhas: 13 de ouro, 51 de prata e 116 de bronze. Além disso, mais 686 estudantes receberam menções honrosas.

 

Na cerimônia, professores também receberam da Obmep diplomas de mérito e as escolas que se destacaram foram premiadas com troféus e kits esportivos e didáticos.

 

A estudante Rebeca Santana Santos Silva, 14 anos, participou pela primeira vez da olimpíada e recebeu menção honrosa. Ela cursa o 8° ano no Centro de Ensino Fundamental 15 do Gama e disse que tem facilidade com matemática por gostar muito da matéria e estudá-la com frequência, mesmo fora da escola. “Gosto muito de matemática e quero me formar em engenharia mecatrônica, então, estudo matemática sempre. Com isso eu também já estava me preparando para a Obmep”, contou.

 

Com a menção honrosa em sua primeira participação, a estudante quer uma medalha na próxima para ter direito a uma bolsa no Programa de Iniciação Científica. Pelo programa, medalhistas da Obmep tem a orientação de professores de instituições de ensino superior e pesquisa para o estudo da matemática.

 

O coordenador da Obmep no Distrito Federal, Reginaldo Ramos, conta que 250 mil alunos da rede pública foram inscritos na competição e muitas escolas fizeram atividades específicas de preparação para a Obmep. Segundo Ramos, a competição traz boas oportunidades para os estudantes e pode indicar a escolha do futuro profissional. “A participação amplia o conhecimento matemático, o estudante avança no seu conhecimento e o país ganha com isso porque a tecnologia do país é feita pelo conhecimento matemático.”

 

A olimpíada

O objetivo da Obmep é incentivar o ensino de matemática e descobrir talentos entre estudantes das escolas públicas brasileiras. A partir da olimpíada, diversos jovens passam a disputar competições internacionais e são incentivados a seguir carreira na área das ciências exatas.

 

Podem participar da competição alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental, e do 1º, 2º e 3º anos do ensino médio. As avaliações são aplicadas em duas fases. Na primeira, os estudantes resolvem questões objetivas de múltipla escolha. Os classificados para a segunda fase resolvem questões dissertativas, onde devem expor os cálculos e raciocínio utilizados.

 

Participaram da cerimônia de premiação no DF representantes do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), do Ministério da Educação, da coordenação regional da Obmep e o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg.

 

Criada em 2005, a Olimpíada é uma atividade do IMPA promovida com recursos dos ministérios da Ciência e Tecnologia e Inovação e da Educação. A competição tem o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática.

publicidade

publicidade