SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Brasil sediará 10ª Olimpíada Ibero-americana de Biologia

Universidade de Brasília receberá o evento. Participarão estudantes de 12 países da América do Sul e Central, Portugal e Espanha

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 12/09/2016 12:54 / atualizado em 12/09/2016 13:29

A 10ª Olimpíada Ibero-americana de Biologia (X OIAB) ocorrerá entre os dias 11 e 16 de setembro no Instituto de Ciências Biológicas da Universidade de Brasília (UnB). Participarão do evento estudantes de 12 países da América do Sul e Central, além de Portugal e Espanha.

A delegação brasileira será representada pelos jovens Beatriz Marques de Brito (São Paulo, SP), Bernardo Habriele Collaço (Fortaleza, CE), Bruno Teixeira Gomes (Fortaleza CE) e Caio Manuel Caetano Adamian (Fortaleza, CE). Todos estão no terceiro ano do ensino médio.

A competição será composta de três avaliações teóricas e práticas que abordarão anatomia animal, botânica e citologia. Também serão realizadas atividades sociais visando estreitar a relação entre os países e contribuir para o avanço das Ciências Biológicas na região ibero-americana.

A primeira edição da OIAB aconteceu no Méximo, em 2007, com a participação do Brasil, Argentina, Espanha e Portugal. A competição é coordenada pela Ordem dos Biólogos de Portugal que escolhe, a cada ano, um país para sediar o evento. Desde então o Brasil conquistou 33 medalhas.

Para participar de olimpíada internacional, é importante que os estudantes se classifiquem em edições nacionais. No Brasil, a Associação Nacional de Biossegurança (ANBio), credenciada pelo Comitê Olímpico Internacional, coordena a Olimpíada Brasileira de Biologia (OBB).

publicidade

publicidade