SIGA O
Correio Braziliense

Olimpíada de matemática

Equipe brasileira será conhecida nesta terça, 13, em evento no Rio

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 12/06/2017 19:47

A equipe de jovens craques que vai representar o Brasil na 58ª Olimpíada Internacional de Matemática (IMO, na sigla em inglês) será apresentada nesta terça-feira, 13, durante o lançamento do Biênio da Matemática Brasil 2017-2018. O evento marca o início de dois anos de atividades voltadas à melhoria da imagem e ensino da disciplina no país. A solenidade está prevista para começar às 10h e vai ocorrer no Teatro do Espaço Cultural BNDES, no centro do Rio de Janeiro, com a participação do ministro da Educação, Mendonça Filho.

 

Esta é a primeira vez que o Brasil sedia a olimpíada internacional, a mais importante competição da área. A edição deste ano ocorrerá de 17 a 23 de julho, também no Rio de Janeiro. Desde que começou a participar da IMO, em 1979, o Brasil ganhou 122 medalhas e 29 menções honrosas.

 

Composta por seis estudantes do ensino médio, a equipe brasileira foi selecionada pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa) e pela Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), dentro de um grupo de 30 alunos que recebem treinamento intensivo desde 2016. Todos são medalhistas de competições nacionais e internacionais da disciplina.

 

“A última vez que participamos [da IMO] foi no ano passado, em Hong Kong, e fomos 15º lugar na classificação geral. Foi a melhor colocação do Brasil na história da competição. Todos os nossos três alunos ganharam medalhas e, este ano, vamos esperar que a equipe se saia ainda melhor. Para isso, trabalhamos ao longo do ano com uma série de treinamentos com esses alunos”, disse o diretor-geral do Impa e coordenador do Biênio da Matemática, Marcelo Viana.

 

Além de sediar a IMO, o Brasil também se prepara para o Congresso Internacional de Matemática, previsto para ocorrer em 2018. Ambos são eventos que integram as ações do Biênio da Matemática, instituído pela Lei 13.358, em novembro de 2016. O Biênio tem o apoio dos ministérios da Educação e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), bem como o patrocínio do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES). O objetivo é incentivar o estudo da disciplina, popularizá-la e promover atividades que aproximem o público do tema.

 

Como parte de atividades prévias ao Biênio, já foram realizados a Bienal da Matemática e o Festival da Matemática, que reuniu, em quatro dias, 18 mil pessoas de todas as idades no Rio de Janeiro. Ao longo do Biênio, estão previstos ainda a Semana Nacional da Ciência e Tecnologia, em outubro, e o 3º Simpósio Nacional da Formação do Professor de Matemática. No ano de 2018, haverá o Congresso Internacional de Matemáticos, o Encontro Mundial de Mulheres Matemáticas e mais uma edição do Festival da Matemática.

 

Mulheres

De maneira a incentivar e valorizar a participação feminina nos círculos da matemática, o Impa leva como novidade para esta edição da IMO o Troféu Impa para Garotas Olímpicas. Por meio dele, serão pontuadas equipes que tenham integrantes femininas e, ao final da competição, serão premiadas as estudantes que tiverem conquistado as melhores classificações. “Ele leva em conta quantas meninas contribuem para pontuação da equipe. Quanto mais meninas, chances de o troféu ir para elas. A melhor aluna da equipe vai ganhar o troféu, e isso vai incentivar as equipes a levarem meninas para a competição”, explicou Marcelo Viana.

 

Participam da IMO estudantes de mais de 100 países de cinco continentes. Durante passagem pelo Rio de Janeiro, os grupos irão solucionar problemas matemáticos e trocar experiências. Para o evento desta terça, 13, são aguardados, além do ministro da Educação, o ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Henrique de Oliveira; o presidente da Finep, empresa pública brasileira de fomento à ciência, tecnologia e inovação, Marcos Cintra, representando o ministro do MCTIC, Gilberto Kassab; o presidente do BNDES, Paulo Rabello Castro; o deputado federal Alex Canziani; o diretor-geral do Impa, Marcelo Viana e o presidente da SBM, Hilário Alencar.