TV Escola

Programa vai debater inclusão de estudantes com deficiência

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/09/2017 20:57

 

Como as instituições de ensino têm lidado com a inclusão social de crianças e jovens com algum tipo de deficiência será tema de debate no programa Salto para o Futuro, a ser exibido pela TV Escola nesta quinta-feira, 21. Participam do encontro o secretário especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marco Pellegrini, e a diretora de Políticas de Educação Especial, Patrícia Raposo, ambos do Ministério da Educação. Essa edição do programa faz parte de uma grade especial preparada para marcar o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência.

 

Ao longo de todo o dia 21, a emissora vai exibir documentários, séries e programas que abordam a realidade da pessoa com deficiência e as políticas públicas para a garantia de seus direitos. Além das legendas descritivas presentes nos programas já exibidos pela TV Escola, vários desses especiais terão audiodescrição. Entre os destaques do dia, está o lançamento do documentário Outro Olhar, cuja exibição vai ocorrer em dois horários, às 7h30 e às 18h35. O vídeo conta a história de uma estudante gaúcha com síndrome de Down.

 

A grade infantil da TV Escola também terá programação especial. Na série O que são as coisas, o personagem Hugo imagina um mundo perfeito em que todas as crianças olham, pensam e agem como ele. Os amigos Lili e Félix o ajudam a descobrir que a variedade é o tempero da vida. Já na animação Mimi e Lisa, são contadas as aventuras de Mimi, uma menina cega que, junto à amiga Lisa, descobre um mundo de aventuras e fantasias. Também estarão disponíveis vários episódios de Punky, primeira série de animação a trazer como personagem principal uma menina com Síndrome de Down.

 

Data – O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência foi instituído em 1982 e oficializado pela Lei nº 11.133/2005. A data foi escolhida para coincidir com o Dia da Árvore, como representação do surgimento das reivindicações sobre cidadania. Segundo o Censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais de 45 milhões de brasileiros têm algum tipo de deficiência.