SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Entidades lançam a 7ª edição da Olimpíada do Conhecimento

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/09/2012 19:40 / atualizado em 20/09/2012 20:50

O maior torneio de educação profissional das américas, a Olimpíada do Conhecimento, foi lançado nesta quinta-feira (20/9) na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp. A competição ocorre de dois em dois anos e é organizada pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Esta será a sétima edição da Olimpíada e terá a participação de 638 estudantes de cursos técnicos e profissionalizantes do Brasil. O evento ocorrerá entre 12 e 18 de novembro, em São Paulo.

Estiveram presentes o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, e o presidente da Fiesp, Paulo Skaf. "A olimpíada é o reconhecimento do talento dos jovens e uma mostra do alto nível da educação profissional oferecido nas escolas técnicas", afirmou Andrade.

Neste ano, a Olimpíada do Conhecimento ocupará uma área de 76 mil metros quadrados, no Anhembi, e receberá cerca de 250 mil visitantes. Na competição, 576 estudantes do Senai e 62 alunos do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) mostrarão habilidades técnicas e pessoais em 54 profissões. Cinquenta delas são da indústria e quatro dos setores de comércio e de serviços, como cabeleireiro, cozinha, serviço de restaurante e técnico em enfermagem.

Nas provas, elaboradas com base nas qualificações exigidas pelo mercado de trabalho e nos avanços tecnológicos, os competidores precisam interpretar e resolver situações semelhantes às que enfrentariam no ambiente real de trabalho. Os que obtiverem melhores notas, vencem a competição.

Participação

Para participar, os estudantes devem ter até 21 anos e possuir, no mínimo, 400 horas em cursos de aprendizagem ou qualificação industrial, ou formação técnica de nível médio na área. Os mais de 600 inscritos deste ano representam quase seis vezes mais que a primeira edição da Olimpíada, realizada em 2001, em Brasília, quando participaram 111 estudantes.

O número de ocupações profissionais do torneio também aumentou, passou de 26 em 2001, para 54 em 2012. Dessas, 52 são oficiais da competição e duas são demonstrativas. Entre as ocupações incorporadas nesta edição da Olimpíada estão impressão offset, tecnologia de edificação, pintura automotiva, funilaria automotiva, marcenaria de estruturas e estruturas metálicas. Outras que estão na competição recentemente são robótica móvel, sistema de construção drywall e sistema de transporte de informação.
Tags:

publicidade

publicidade