SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Qualificação

TI mais acessível

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/10/2012 10:13 / atualizado em 08/10/2012 10:15

Ed Alves
Com a onipresença da tecnologia da informação (TI) em nossas vidas, fica difícil acreditar que o setor deve sofrer com a falta de 45 mil profissionais em 2014, de acordo com projeção da Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom). Quem busca uma vaga no mercado para suprir essa demanda, pode se inscrever a partir de hoje no projeto Capital TI, que vai oferecer curso de formação e aperfeiçoamento na área.

A qualificação, promovida pelo Instituo Eldorado, é gratuita e não há limite de vagas. As inscrições podem ser feitas pelo site www.capitalti.com.br. A primeira parte das aulas será ministrada em plataforma digital na modalidade de educação a distância (EaD) e se concentrará em dois módulos em particular: lógica de programação e orientação a objetos. Os 80 alunos que apresentarem o melhor desempenho durante as três semanas de aulas via internet ganharão também um curso presencial de 40 horas de duração. Depois de concluída a segunda etapa, os melhores participantes serão contratados para atuarem em empresas do ramo em Brasília ou em outras cidades do país.

No entanto, o gerente de operações do instituto, Danilo Ângelo, explica que o curso vai preparar para o mercado de trabalho muito mais do que as 80 pessoas selecionadas para o treinamento. “Aqueles que não forem escolhidos poderão utilizar os conhecimentos adquiridos na EaD para aperfeiçoar sua atuação nas empresas ou se candidatar a vagas que exijam domínio de lógica de programação”, comenta. As aulas estarão disponíveis no site do instituto entre 15 de outubro e 9 de novembro. Outras edições do projeto devem ocorrer em Brasília, mas a previsão é de que elas não sejam gratuitas como a atual.

Dedicação
Embora o curso seja planejado com flexibilidade de horários e pela internet, a dica é que os interessados em passar para a próxima fase do programa tenham disciplina nos estudos. “Os resultados obtidos por EaD definirão quem passa para a etapa seguinte”, explica Rogério Almeida, gerente da área de educação do Eldorado. Segundo ele, essa fase avaliará se o aluno tem perfil para fazer o treinamento presencial, assim como se realmente apresenta afinidade com a área. Almeida ressalta que o candidato ideal deve ter postura exigente e independente.

Na etapa seguinte, durante as aulas práticas, os alunos serão divididos em quatro turmas, que terão acesso a conteúdo sobre tecnologias emergentes, como desenvolvimento para sistemas Android, Windows 8, Windows Phone e JavaWeb. As disciplinas serão ministradas por professores que trabalham com desenvolvimento de softwares que têm essas tecnologias como base. De acordo com Rogério Almeida, a capacitação nessas ferramentas permitirá um trabalho mais inovador. “Como são tecnologias novas, isso faz com que nossos profissionais possam desenvolver projetos de ponta”, reforça o gerente.

Para ir além

Recém-formados e profissionais que procuram a primeira oportunidade no mercado de trabalho não são os únicos que podem aprender com o curso. A qualificação também é voltada para quem já trabalha com tecnologia da informação e pretende se aperfeiçoar e se reciclar na profissão. É o caso do desenvolvedor web Fábio Dias, 28 anos. Ele tem consciência de que a área onde atua passa por constantes atualizações e, por isso, está sempre em busca de cursos que possam ajudá-lo a acompanhar as tendências da profissão. “Quando comecei a trabalhar, eu não estava acostumado à linguagem de programação da empresa e tive que fazer um curso para ficar por dentro do ambiente e das atividades que meus colegas exercem”, conta.

Graduado em segurança da informação, Fábio fez cursos extracurriculares com duração de aproximadamente seis meses cada. Com eles, o desenvolvedor conseguiu ampliar e destacar sua atuação dentro da empresa. O foco, agora, é a aprovação em um programa de mestrado. Mesmo assim, ele não descarta a possibilidade de fazer novos treinamentos. “Preciso ter mais conhecimento em desenvolvimento de softwares para plataformas móveis, que estão se expandindo e se tornando cada vez mais comuns na rotina das pessoas.”

Anote
CAPITAL T.I
Curso gratuito de aperfeiçoamento na área de tecnologia da informação
Inscrições: a partir de hoje, pelo site www.capitalti.com.br
Quando: de 15 de outubro a 9 de novembro
Tags:

publicidade

publicidade