SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

CNPq e Ministério da Defesa assinam acordo pelo Ciência sem Fronteiras

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/03/2013 18:16

Em cerimônia realizada nesta terça-feira (19), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), agência ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), e o Ministério da Defesa (MD), assinaram acordo que prevê o envio de 517 funcionários das Forças Armadas do Brasil para intercâmbio no exterior pelo Programa Ciência sem Fronteiras (CsF).

No acordo, está previsto que militares e servidores civis da Marinha, Exército e Força Aérea podem ser contemplados com bolsas nas modalidades graduação e doutorado sanduíche, doutorado pleno, pós-doutorado e desenvolvimento tecnológico e inovação, iniciativa recém inserida no programa. O presidente do CNPq, Glaucius Oliva e o secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto do MD, Julio Saboya de Araujo Jorge, foram os responsáveis por oficializar a parceria institucional.

Glaucius lembrou, durante a cerimônia, que o CNPq foi idealizado por um militar, o almirante Álvaro Alberto. O presidente ainda agradeceu o engajamento das Forças Armadas no Ciência sem Fronteiras, que já concedeu 22,5 mil bolsas a estudantes brasileiros para intercâmbio em 38 países. O programa busca, ainda, atrair pesquisadores estrangeiros que queiram fixar-se no Brasil ou estabelecer parcerias nas áreas prioritárias, como engenharia, ciências exatas, nanotecnologia, biotecnologia, petróleo e gás, entre outras.

Coordenação de Comunicação Social (Com informações e fotos da ASCOM do Ministério da Defesa)

Tags:

publicidade

publicidade