SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Dilma vai a formatura no Nordeste e inaugura três unidades de instituto

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 02/10/2013 15:51 / atualizado em 02/10/2013 15:58

A presidenta Dilma Rousseff, juntamente com o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, participaram nesta quarta-feira, 2, da formatura de 4,5 mil alunos formandos dos cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), no Rio Grande do Norte. Na oportunidade, a presidenta anunciou, também, a inauguração de três novas unidades do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN), construídas nos municípios de Ceará-Mirim, onde foi realizado o evento, São Paulo do Potengi e Canguaretama.

Dilma reforçou que o Pronatec é gratuito para os alunos e que o Governo está investindo R$ 14 bilhões no programa. Ela salientou a importância de se investir na qualificação dos professores. "Só pode ter educação de qualidade com professor melhor remunerado e melhor formado", disse a presidenta, ao citar os recursos dos royalties do petróleo.

“Estudar, estudar e estudar para trabalhar e viver bem” – este foi o recado do ministro da Educação para os estudantes. Mercadante lembrou que a educação precisa começar na creche e destacou as 6 mil já construídas, além de outras 3 mil que o MEC está contratando. O ministro disse, ainda, que quem não se qualificar terá mais dificuldade para entrar no mercado de trabalho. “Ficamos muito tempo sem estudo técnico e profissionalizante, este é o maior programa de ensino técnico do Brasil”, encerrou Mercadante.

IFRN
Os novos campi fazem parte da terceira fase de expansão da rede federal de educação profissional e tecnológica do instituto, e cada um deles terá capacidade para atender até 1.200 alunos. O instituto, que também foi uma das instituições que sediaram os cursos do Pronatec, possui atualmente 19 unidades em todo o estado, contando com as três que serão inauguradas.

O Pronatec serve de incentivo para milhares de pessoas inscritas no cadastro único para programas sociais do governo. Uma oferta de cursos de formação inicial e continuada, e de qualificação profissional, de forma gratuita para pessoas de baixa renda.
Tags:

publicidade

publicidade