SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Brasil garante empregos aos jovens investindo em programas de qualificação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 22/10/2013 17:59

Na última década, o forte crescimento econômico do Brasil ajudou a diminuir a taxa de desemprego dos jovens para níveis inferiores aos da maioria dos países membros da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). O relatório Investindo na juventude: Brasil destaca medidas inovadoras que o país tem tomado para fortalecer as condições de transição da escola para o mercado de trabalho. Entre as principais ações do Ministério da Educação está o fortalecimento do Programa Nacional de acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

O lançamento do relatório ocorreu nesta terça-feira, 22, em Brasília, na abertura do II Seminário Transição da Escola ao Trabalho: Experiência brasileira em relação a outras economias emergentes e membros da OCDE.

O relatório destaca iniciativas que estão gerando resultado, entre elas o Pronatec e o Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem). Em sua fala, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, reforçou a importância do Pronatec. Segundo ele, o país avançou muito nos programas de qualificação dos jovens. “A educação é indispensável para aumentarmos a competitividade do país”, afirmou o ministro.

Lançado em 2011, o Pronatec já assegurou mais de 4,6 milhões de matrículas. Uma das modalidades ofertadas é concomitante ao ensino médio, para que os jovens façam cursos no contraturno escolar. Recentemente foi criado o Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec), para os jovens que concluíram o ensino médio e buscam oportunidades de qualificação. O Sisutec ofertará vagas para os estudantes que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Tags:

publicidade

publicidade