SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Educação

Olimpíada Mundial de Profissões Técnicas realiza seletiva no Rio

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 13/07/2016 18:53

Agência Brasil

O Instituto Senai de Tecnologia (IST) de Solda está selecionando os estudantes que representarão o Brasil na 43ª Olimpíada Mundial de Profissões Técnicas (Worldskills), marcada para outubro de 2017, em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos. As provas vão até sexta-feira (15). A olimpíada é realizada em um país diferente, a cada dois anos. A do ano passado, em São Paulo, teve 1.190 competidores de 59 países. O vencedor foi o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

 

As seletivas ocorrem em julho e agosto em 32 cidades brasileiras nos 26 estados e no Distrito Federal, abrangendo 43 ocupações profissionais. No Rio de Janeiro, 13 estudantes de cursos técnicos e jovens profissionais disputam as provas de solda e joalheria. Nesta semana Palmas e Belo Horizonte também realizam seletivas.

 

Segundo o coordenador regional da competição no Rio de Janeiro, Adilson Dantas, nas 32 seletivas, será formada a delegação brasileira na Worldskills, que é considerada a maior competição mundial de educação profissional.

 

Os participantes devem ter até 22 anos de idade no ano em que o torneio mundial for realizado. Os alunos que disputam as seletivas vêm de fases escolares anteriores nas unidades do Senai. De acordo com Dantas, esta é a primeira vez que os competidores brasileiros são escolhidos em provas seletivas aplicadas em várias cidades. Nas edições anteriores, eles eram selecionados em um único estado, na Olimpíada do Conhecimento, torneio de educação profissional promovido pelo Senai a cada dois anos.
“A mudança, com a descentralização pelos estados, dá chance de mais estudantes participarem. São provas inéditas e visam também valorizar a capacidade de transferência do conhecimento do estudante”, disse Dantas, que é analista técnico de Educação Profissional do Senai-RJ.

 

A competição mundial abrange 45 ocupações profissionais, duas a mais que no Brasil. Algumas ocupações são representadas por equipes de estudantes. “São os melhores de cada país, porque já estão saindo das seletivas em seus países”, afirmou Dantas. Ele disse que o número de participantes da Worldlskills de Abu Dhabi deve aumentar 5% em relação à de São Paulo.

 

O evento é organizado pela WorldSkills International, entidade que trabalha desde 1950 para o desenvolvimento e a excelência das ocupações técnicas. O torneio reúne competidores das Américas, da Europa, Ásia, África e do Pacífico Sul.

publicidade

publicidade