Estudantes da UnB participam do primeiro debate entre as chapas do DCE

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/11/2012 13:57 / atualizado em 20/11/2012 17:15

Thaís Paranhos

Cerca de 100 pessoas participam do primeiro debate entre as chapas que concorrem ao Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Universidade de Brasília (UnB). O encontro começou com quase uma hora de atraso, estava marcado para as 12h, mas teve início por volta das 13h. Cinco das seis chapas inscritas estão presentes e já fizeram a apresentação.

No momento, elas vão discutir os temas propostos pela organização. Já falaram sobre movimento estudantil, Centro Olímpico, Parque Tecnológico e fundações. Não haverá participação do público neste debate.

Conheça as chapas:
Chapa 1 — Aliança Pela Liberdade: 140 membros
Chapa 2 — Troll: 11 membros (concorre apenas para representantes discentes)
Chapa 3 — Atitude Coletiva: 26 membros
Chapa 4 — Bloco na Rua: 98 membros
Chapa 5 — Honestinas: 57 membros
Chapa 6 — Nada É Impossível de Mudar — Oposição Unificada ao DCE:122 membros

A única chapa ausente é de número 2, Troll, que concorre apenas para representantes discentes, ou seja, para participar das reuniões dos conselhos da universidade representando os alunos. A eleição será em 5 e 6 de dezembro, nos quatro câmpus da UnB. A chapa que tiver a maioria dos votos será a vencedora para o DCE e, no caso de representantes discentes, a participação nos conselhos dependerá do percentual de votos alcançados.

Confira os locais e horários dos debates:

21 de novembro, às 12h — Câmpus de Planaltina
27 de novermbro, às 18h30 — Câmpus de Planaltina 28 de novembro, às 12h — Câmpus do Gama
29 de novembro, às 12 — Câmpus de Ceilândia
4 de dezembro, às 18h30 — Câmpus Darcy Ribeiro

Regras
O regimento da eleição foi aprovado em 1º de dezembro pelo Conselho das Entidades de Base (CEB). Ficou estabelecido também que o gasto máximo por chapa será de sete salários mínimos — R$ 4.354 — e que as denúncias de infração serão analisadas pela comissão eleitoral.

O edital da eleição, também aprovado pelo CEB, exige que as chapas prestem contas semanalmente. Uma prestação de contas final deve ser feita em 10 de dezembro, das 12h às 14h, sob pena de impugnação.

Tags: