SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Faturando em dobro

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 27/05/2013 11:58 / atualizado em 27/05/2013 12:00

Marcos Serra
Frederico Rosalino seguiu à risca as lições de como ser um bom empreendedor. Sócio da empresa Bioestrutura Engenharia, especializada em criação e execução de projetos de baixo impacto ambiental, fez curso de capacitação no Sebrae há cinco anos e resolveu investir na ideia de estruturas pré-fabricadas tendo o bambu como matéria-prima básica. Ele trabalhava com agricultura familiar e reforma agrária e percebeu que, em várias comunidades de baixa renda, a gramínea era uma alternativa eficaz para a construção de moradias.

O curso ofereceu diretrizes de gestão financeira, recursos humanos e da parte técnica. “O resto foi dedicação e perseverança”, conta. “Como eu sabia que meu negócio tinha viabilidade, resolvi insistir.” Atualmente, a empresa é uma das principais do ramo no Distrito Federal e executa projetos em todo o Brasil com a confecção de estruturas para eventos, chalés e bangalôs. Os resultados são cada vez mais expressivos.

Em 2010, Frederico contava com o apoio de 10 funcionários e era contratado para um evento a cada dois meses, em média. Este ano, os números já são 30 trabalhadores e um evento por mês. Além disso, o faturamento anual quase dobrou em dois anos: passou de R$ 700 mil, em 2012, para uma perspectiva de R$ 1,2 milhão este ano. O salário médio dos funcionários varia entre R$ 860 e R$ 4 mil. “O tema sustentabilidade está em alta. Por isso, o nosso trabalho é tão demandado”, ressalta.

Uma das maiores contratações da empresa foi a Conferência Rio+20, realizada no ano passado, no Rio de Janeiro. A Bioestrutura Engenharia montou uma tenda de bambu com capacidade para 300 pessoas na Cúpula dos Povos, no Aterro do Flamengo. Este ano, Frederico também passou a investir na própria plantação de bambu. A primeira colheita ocorrerá em dois anos. (EG)

Encontro
Educadores, especialistas internacionais e reitores de universidades estarão reunidos entre hoje e quarta-feira em Brasília para discutir os novos rumos da educação empreendedora nas escolas brasileiras. O encontro, promovido pelo Sebrae, vai focar no desenvolvimento do comportamento empreendedor como parte da formação de novos profissionais. Na programação, consta o seminário Empretec, metodologia da Organização das Nações Unidas (ONU) aplicada no Brasil há 20 anos pelo Sebrae. Ao todo, 34 países promovem essa capacitação no mundo.
Tags:

publicidade

publicidade