SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

UNB do Gama

Engenharia de Energia inaugura cinco laboratórios

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 02/07/2013 18:04 / atualizado em 02/07/2013 18:12

Agência UnB

A Faculdade UnB Gama (FGA) recebeu, na manhã da última sexta-feira (28), novos espaços para pesquisa e produção acadêmica. O curso de Engenharia de Energia inaugurou os laboratórios de Controle e Qualidade de Combustíveis e Biocombustíveis; de Biolubrificantes; de Fluidos de Perfuração; de Nanocélulas Solares e Nanosensores; e a Micro Usina de Biodiesel. Os laboratórios foram montados no Galpão da FGA.
Emília Silberstein/UnB Agência


Os equipamentos dos novos espaços foram financiados com recursos da Universidade de Brasília, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e do edital CNPq/Vale. No total, foram gastos R$ 518 mil com aquisição de aparelhos, materiais de vidraria e livros. Parceria com a Universidade de São Paulo (USP) também garantiu reagentes químicos para os novos laboratórios.

“Pretendemos, com estes novos espaços, que os alunos saiam da universidade com mais prática”, afirmou a coordenadora dos laboratórios, Maria Del Pilar Hidalgo Falla. A professora explicou que a descoberta do Pré-sal é responsável por uma demanda crescente de profissionais no mercado da indústria petroquímica. "É necessário que os recém-graduados estejam mais qualificados”, defendeu Pilar.  

Lucas Borges, 21, está prestes a ingressar nesse mercado. Ele cursa o 8º semestre de Engenharia de Energia e desenvolve projetos no laboratório de Fluidos de Perfuração. “Formulamos fluidos de perfuração, com aditivos doados por uma empresa, e fazemos testes comparativos com amostras-padrão que obtivemos com a Petrobrás”, explica. O estudante está animado com os projetos que tem desenvolvido e acredita que a experiência será um diferencial no mercado de trabalho, “além de contribuir para atividades acadêmicas, como ingressar em uma pós-graduação, em um mestrado ou até mesmo em um intercâmbio”, conta Lucas.

Durante a cerimônia de inauguração dos laboratórios, a vice-reitora, Sônia Báo, e o diretor da FGA, Alessandro Borges, falaram sobre a importância de se realizar parcerias com empresas públicas e privadas para o financiamento de projetos e para o desenvolvimento da UnB. O coordenador da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP), Vinícius Skrobot, ressaltou que a ANP tem grande demanda por pesquisas. “Nós precisamos do meio acadêmico”, afirmou. Na ocasião, o diretor técnico e comercial da CEB Gás e representante da Petrobrás, Heden Cruz, ressaltou a necessidade da prática nos laboratórios para a formação dos profissionais. “É o empirismo do laboratório que faz a gente acreditar que a teoria existe”, explicou Heden.
Tags:

publicidade

publicidade