SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Fiocruz Brasília sedia primeiro encontro de redes sociais do DF

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 03/09/2013 16:19

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) sediará o primeiro Encontro de Redes Sociais do Distrito Federal, em 13 e 14 de setembro. O objetivo é reunir representantes das redes localizadas em diferentes pontos da cidade e compartilhar experiências, práticas e aprendizados. O evento, que ocorrerá na sede da fundação, debate a afirmação das redes como experiência inovadora para um novo padrão de desenvolvimento.

O encontro é gratuito e voltado para quem desempenha atividades nas redes sociais do DF ou trabalhos relacionados ao tema. Palestras e dinâmica de ativação de redes, por meio da metodologia World Café e Salas Temáticas – método que estimula a criação de uma rede viva de diálogo colaborativo a partir de perguntas e temas propostos – estão entre as atividades previstas no evento.

Um processo colaborativo também será iniciado e vai resultar no lançamento da plataforma digital de interação das redes sociais. Além de discutir o que são as redes e os métodos de funcionamento, o encontro pretende disseminar a história das redes, reconhecer ferramentas que potencializam práticas desenvolvidas por elas e observar o que há de comum entre os grupos, tendo como pontos a criação de pauta comum, fortalecimento e articulação.

As inscrições podem ser feitas na página do evento. São 150 vagas, das quais 100 são destinadas aos representantes das redes e 50 são para o público em geral.

A expectativa é que o encontro reúna integrantes das Redes Sociais de Ceilândia, Serrana (Fercal, Sobradinho e Sobradinho II), Estrutural, Guará, Lago Norte/Varjão, Flor do Cerrado (Santa Maria), Planaltina, Brazlândia, Taguatinga/Vicente Pires/Águas Claras, Paranoá/Itapoã, São Sebastião, Samambaia, Gama, Riacho Fundo I, Núcleo Bandeirante, Recanto das Emas e Plano Piloto/Candangolândia/Núcleo Bandeirante/Riacho Fundo.
Tags:

publicidade

publicidade