SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Justiça tenta acordo entre universidade e estudantes que invadiram reitoria

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 03/10/2013 18:41

Agência Brasil

São Paulo
A Justiça de São Paulo decidiu nesta-quinta-feira (3) promover uma audiência de conciliação entre a Universidade de São Paulo (USP) e os estudantes e funcionários que ocupam o prédio da reitoria há três dias. Marcada para discutir o pedido de reintegração de posse apresentado pela universidade, a audiência será na próxima terça-feira.

A universidade pede a desocupação do prédio mas, antes de julgar o pedido de reintegração de posse, a Justiça decidiu marcar a audiência de conciliação com base no princípio de que “se deve buscar a conciliação, em especial em situações que envolvam questões delicadas”.

Os estudantes, que estão em greve, reivindicam eleições diretas para reitor, com votação paritária entre as três categorias (alunos, funcionários e professores) e o fim da lista tríplice de candidatos ao cargo. Atualmente, o reitor é escolhido pelo governador de São Paulo, após a apresentação de uma lista tríplice, contendo os nomes das três pessoas mais votadas em uma eleição.

A invasão de terça-feira ocorreu depois de uma reunião do Conselho Universitário na qual professores, funcionários e estudantes entregaram uma proposta de eleição direta. Como a sugestão foi derrotada, os alunos decidiram ocupar o prédio. Eles disseram que permanecerão na reitoria até que as reivindicações sejam atendidas.
Tags:

publicidade

publicidade