SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Brasil conquista três medalhas de ouro em olimpíada de Astronomia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 29/10/2013 16:56

Divulgação
O Brasil conquistou três medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze na Olimpíada Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica (OLAA). Essa foi a primeira vez que um país conquista três medalhas de ouro numa mesma edição. O evento ocorreu esta semana, na cidade de Cochabamba, na Bolívia, e reuniu estudantes do ensino médio da Argentina, do Brasil, da Bolívia, do Chile, da Colômbia, do Uruguai, do Paraguai e do México.

Os medalhistas de ouro foram Andrei Michel Sontag, de Cândido Rondon (PR), Rubens Martins Bezerra Farias, de Fortaleza (CE) e Weslley de Vasconcelos Rodrigues da Silva, de Teresina (PI). A prata ficou com Ana Letícia dos Santos, de Curitiba (PR) e o bronze foi de Marton Paulo dos Santos Silva Recife (PE).

Além disso, o estudante do Piauí, que foi ouro na OLAA no ano passado, ganhou o prêmio de melhor companheiro de equipe, o paranaense fez a melhor prova observacional e o cearense fez a melhor prova em grupo. Com essa conquista, o Brasil já soma, até hoje, 13 ouros, nove de pratas e quatro bronzes na competição.

A olimpíada foi dividida em três etapas: teoria, prática e reconhecimento do céu. A primeira, em duas partes, individual e em grupo, mesclando as delegações. Os estudantes ainda participaram de uma competição de lançamento de foguetes, construídos com garrafas pets, em grupos multinacionais. As últimas avaliações foram individuais e exigiram o reconhecimento do céu real e o manuseio de telescópio.

publicidade

publicidade