ENSINO SUPERIOR »

Correria e confusão na entrada do PAS

Candidatos reclamaram que o cartão de acesso à 3ª etapa do programa trouxe informações genéricas sobre os locais de prova. Teve gente que perdeu o exame, mas o Cespe garante que não houve registro de problemas no sistema de consulta

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 02/12/2013 11:33 / atualizado em 02/12/2013 10:53

Manoela Alcântara

Ed Alves
Os portões de acesso para os concorrentes a uma vaga na Universidade de Brasília (UnB) pelo Programa de Avaliação Seriada (PAS) fecharam 10 minutos além do tempo previsto no edital do certame. Mesmo assim, não foi suficiente para conter o índice de abstenção do teste, de 16,95%. No Bloco de Salas de Aula Sul (BSAS), no câmpus Darcy Ribeiro, confusão. Pouco antes de as portas serem lacradas, começou a correria. Pais e candidatos reclamavam da falta de clareza no comprovante de inscrição. Dos 12.687 inscritos, 10.537 conseguiram concluir a 3ª etapa do programa. No ano passado, o índice de abstenção foi de 19,29%. Em 2011, ficou em 15,8%.  

Moradora de Brazlândia, a empresária Laudiana Rodrigues, 41 anos, saiu de casa com a filha às 10h40 de ontem. Mesmo assim, Dayane Nayara Rodrigues, 18, só conseguiu encontrar o prédio onde realizaria o teste às 12h55, no limite do horário de fechamento. “É um absurdo. No cartão, só dizia que o teste era no câmpus Darcy Ribeiro, na Asa Norte, mais nada. Fomos a seis prédios. Ninguém sabia dar a informação correta”, lamentou Laudiana.

Ela acredita que todo o estresse e o pensamento de que poderia perder a prova podem prejudicar o desempenho da filha, que disputa uma vaga no curso de medicina, o mais concorrido nesta edição do PAS. “O emocional fica abalado. A colega dela, que estava com a gente, começou a chorar. Nem sei se conseguiu encontrar a sala”, contou a empresária. A reclamação partiu de outras dezenas de pais no local de prova. Eles estavam perdidos. Não sabiam como direcionar os filhos.

Alguns tentaram correr, acelerar o carro, mas não teve jeito. Após preparação intensa durante todo o ano, Catherine Miranda Martins, 17 anos, ficou do lado de fora. Ela chegou dois minutos após os portões terem fechado. Populares bateram no vidro espelhado do prédio solicitando que os seguranças a autorizassem a entrar, mas o apelo foi em vão. O pai da jovem, Gilney Antônio Martins, reiterou as reclamações dos outros parentes que estavam no local. “O endereço é muito complicado. Não tem sinalização. O mapeamento é complexo”, disse o funcionário público.

Faltando quatro minutos para o horário de fechamento, Isabela Martins, 17 anos, ainda não havia encontrado o local onde faria a 3ª etapa do PAS. Ela mostrou no celular o comprovante de inscrição com a indicação para fazer a prova no câmpus Darcy Ribeiro. “Não recebi nada e não consegui acessar no site. Vou perder minha prova por causa disso. É um absurdo”, afirmou, indignada. Depois disso, ainda correu com o pai para tentar chegar a tempo no ponto correto.

Justificativa

Ao todo, foram seis locais de realização das provas no Distrito Federal, sendo quatro no câmpus Darcy Ribeiro; no Centro Universitário de Brasília (UniCeub) e no Leonardo da Vinci, todos na Asa Norte. Apesar das reclamações, de acordo com a assessoria de impresa do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe/UnB), nenhum problema no sistema de consulta foi identificado. Em nota, o órgão informou que, conforme previsto no item 4.4.1 do edital, os locais e horários das provas foram disponibilizados no endereço eletrônico www.cespe.unb.br/pas, desde o último dia 25.

A nota do Cespe ainda repete outra informação do edital: “É de exclusiva responsabilidade do candidato a verificação do local designado para a realização da sua prova e, ainda, de comparecer a esse local com a antecedência mínima de uma hora em relação ao horário inicial das avaliações, para dirimir eventuais dúvidas”, explica o documento. A assessoria informou ainda que os 10 minutos a mais são um procedimento de ajuste para que todos os estabelecimentos onde o teste foi realizado possam fechar os portões ao mesmo tempo.

Encerramento

Os exames tiveram cinco horas de duração e se encerraram às 18h. Os candidatos testaram os conhecimentos em todas as matérias do ensino médio e por meio de uma redação. O teste é organizado de forma interdisciplinar. Por isso, não há divisão de cadernos por temas. Os gabaritos oficiais preliminares de conhecimentos serão divulgados amanhã, no endereço eletrônico www.cespe.unb.br/pas, a partir das 19h (veja quadro).

De acordo com o coordenador acadêmico do Cespe, Marcus Vinícius Araújo Soares, neste ano, houve um pequeno crescimento na participação do PAS. “O objetivo do programa sempre foi fortalecer a relação entre o ensino médio e a universidade. Por ser seriado, dilui um pouco os conhecimentos a cada ano. Há quem ache mais fácil e outros que encontram maior dificuldade por ser um processo longo. Tudo depende do perfil do estudante”, ressaltou Soares.


Fique atento

3 de dezembro (amanhã)
Serão divulgados os gabaritos oficiais preliminares da prova de conhecimentos no endereço eletrônico www.cespe.unb.br/pas,
a partir das 19h

Prazo para interpor recursos
O candidato terá dois dias para questionar o gabarito preliminar.
O prazo começa às 9h de quarta-feira e vai até as 18h do quinta (5)

31 de dezembro
Às 19h, sai o resultado provisório dos itens tipo D e da redação,
também no site do Cespe

2 de janeiro de 2014
Último dia para fazer o recurso das questões discursivas

14 de janeiro
Divulgação dos gabaritos oficiais definitivos. Resultado final
da prova de redação e dos aprovados em primeira chamada

Próximas etapas

1ª etapa do PAS
O teste ocorrerá em 7 de dezembro

2ª etapa do PAS
A prova será realizada em 8 de dezembro

Disputa
Os estudantes disputam 2.110 oportunidades divididas entre 97 cursos, nos quatro câmpus da UnB no DF. Entre o total de vagas, 1.554 são destinadas ao sistema universal e 556 são reservadas para o sistema de cotas para os alunos que concluíram todo o ensino médio na rede pública de ensino.
Tags: