SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Estudantes realizam torneio de futebol em homenagem à Copa

Vinte times compõem a Copa do Mundo de Futebol da UnB. Iniciativa é da Associação Atlética Acadêmica da universidade

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 01/07/2014 18:19

Agência UnB

Cerca de 500 universitários participam da 1ª edição da Copa do Mundo de Futebol da UnB. Os jogos ocorrem todos os finais de semana desde o início de junho e movimentam 19 equipes de estudantes e uma seleção de ex-alunos. As equipes têm com o nome de países que disputam a Copa do Mundo. O evento, inédito, ocorre em homenagem ao maior campeonato de futebol do planeta.

“A gente quer alavancar o esporte na universidade e criar novos campeonatos fora do JIUnBs”, explica o diretor da Coordenação de Eventos da Associação Atlética Acadêmica da UnB (AAAUnB), Lucas Modesto. A associação de esportistas da universidade é a responsável pela organização do evento.

O campeonato da universidade é disputado por 20 times, 12 a menos que a Copa da Fifa. São 16 times compostos por representantes de centros acadêmicos (CA), uma equipe da Faculdade Unb Ceilândia, um grupo de representantes dos alunos indígenas da instituição e outro de estudantes colombianos. Os jogos do campeonato universitário seguem até o dia 5 de julho, quando será disputado o jogo da final.

A seleção vencedora irá levar para casa troféu e medalhas. A comissão organizadora do evento também vai premiar os times que ficarem em segundo e terceiro lugar, além do artilheiro, o craque do torneio e representantes de cada uma das posições que tiveram melhor desenvoltura.

A Copa da UnB iniciou a segunda fase no último sábado (28). Disputam as quartas de final os times da Agronomia (Costa de Marfim), Geologia (Rússia), Ciências Contábeis (Equador), Direito (Nigéria), Educação Física (Holanda), alunos da FCE (Argentina), o time de ex-alunos (Holanda) e a equipe do CA da Ciência da Computação, Engenharia da Computação e Computação (Bósnia).

RECURSOS
Para participar do evento, os times, compostos por uma média de 25 jogadores, tiveram de desembolsar uma taxa de R$200 reais. “Um valor baixo comparado ao da maioria dos torneios”, avalia Lucas Modesto. De acordo com o representante da associação atlética, serão gastos R$8.640 reais somente com a arbitragem das partidas.

Lucas explica que a competição só foi possível graças ao incentivo da Diretoria de Esporte, Arte e Cultura (DEA), que garantiu recursos da instituição. “Temos um empenho para a arbitragem, que fizemos a partir de um processo licitatório”, explica Lucila Souto Mayor, diretora da DEA.

De acordo com Lucila, apoiar eventos esportivos na universidade faz parte da incumbência da atlética e da diretoria. “Valorizamos o esporte enquanto instrumento de qualidade de vida e de integração”, pontua a diretora da DEA.

TEMPO DIFERENTE
Na Copa do Mundo de Futebol da UnB as partidas da primeira fase tiveram tempos de apenas 32 minutos. Somente na segunda fase do torneio os jogadores permanecerão em campo por 45 minutos durante os dois tempos da partida. “Tentamos aproximar ao máximo as nossas regras às da Copa, mas cabem as devidas proporções”, comenta o diretor da AAAUnB.
Tags:

publicidade

publicidade