SIGA O
Correio Braziliense

Rede de 40 Gbps interligará instituições de ensino e pesquisa

Projeto faz parte da Redecomep no DF. Velocidade será a maior em regiões metropolitanas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 07/07/2014 16:26

Agência UnB

Para garantir maior fluidez de dados, um anel óptico de 40 Gbps vai ser implantado nos próximos meses, interligando instituições de ensino e pesquisa em Brasília. “Hoje, a velocidade de conexão é de 1Gbps e 10 Gbps”, afirma o presidente do comitê técnico da Rede Gigacandanga (Redecomep-DF), professor Marcelo Ladeira.

Segundo ele, a rede de alta velocidade – chamada “anel educacional” – vai ajudar a evitar problemas na transmissão de dados, principalmente, durante processos de avaliação e seleção, como Enem e Sisu, quando há um maior número de acessos em intervalos curtos de tempo.

“Será a primeira rede metropolitana a atingir a velocidade de 40 Gbps”, diz o professor Leonardo Lazarte, presidente do comitê gestor da Rede Gigacandanga. A rede, que conta com o apoio técnico do Centro de Informática (CPD-UnB), também facilitará o compartilhamento de bases de dados entre os órgãos.

Além da Universidade de Brasília (UnB), a rede de 40 Gbps liga instituições, como os Ministérios da Educação (MEC), da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Clique aqui para ver a localização de algumas das instituições participantes no mapa.

REDECOMEP – A Rede Gigacandanga é uma das Redes Comunitárias de Educação e Pesquisa brasileiras (Redecomep-DF). Lançada em 2007, ela possui infraestrutura de fibras ópticas própria, sendo gerenciada pelas instituições participantes.  
Tags: