Educação superior

Instituições de ensino começam a preencher os dados do Censo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 09/02/2015 14:01

Portal MEC

As instituições de ensino já podem preencher os questionários da coleta de dados do Censo da Educação Superior de 2014. O sistema está acessível, pela internet, aos representantes legais de cada instituição, responsáveis por prestar as informações.

O Censo da Educação Superior reúne informações sobre cursos de graduação (presencial, a distância e sequenciais), como vagas ofertadas, matrículas, ingressantes e concluintes, sobre corpo docente e sobre organização acadêmica. A coleta oferece informações importantes à comunidade acadêmica e à sociedade sobre a situação e as tendências do setor, além de contribuir para o cálculo orçamentário da instituição de ensino e futuros custeios. No caso das instituições federais, os dados do censo são usados também para cálculo da matriz orçamentária.

 

O período de coleta (preenchimento dos questionários e importação de dados pela internet) vai até 27 de março próximo para as universidades federais e até 24 de abril para as demais instituições públicas e particulares.

 

Após o preenchimento dos dados, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) verifica a consistência das informações coletadas. Em seguida, reabre o sistema para conferência, validação e eventuais correções dos dados pelas instituições. O sistema será reaberto para as universidades federais entre 13 de abril e 8 de maio; para as demais instituições, entre 11 de maio e 19 de junho. A divulgação dos resultados está prevista para 18 de agosto.

 

O modelo do Censo da Educação Superior é definido pelo Decreto nº 6.425, de 4 de abril de 2008. O sigilo e a proteção de dados pessoais apurados são assegurados. A Portaria do Inep nº 597/2014, que estabelece prazo para as etapas e atividades do processo de realização do Censo, foi publicada no Diário Oficial da União de 17 de dezembro último.

 

Os representantes legais das instituições devem preencher os dados no sistema do Censo da Educação Superior na internet.