SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

UNE e Ubes montam acampamento em frente ao Ministério da Fazenda

O ato é um protesto contra os cortes orçamentários na área da educação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/06/2015 13:13 / atualizado em 10/06/2015 16:16

Representantes da União Nacional dos Estudantes (UNE) e da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) estão acampados em frente ao Ministério da Fazenda em ato contra o ajuste fiscal e os cortes na educação. Segundo informações da presidente da UNE, Carina Vitral, cerca de 200 estudantes estão no acampados no local.

Alguns estudantes estiveram presentes na reunião da Comissão de Educação  da Câmara dos Deputados com o ministro Renato Janine Ribeiro, que ocorreu na manhã desta quarta-feira (10). Durante a sessão, a presidente da UNE falou sobre o posicionamento contrário aos cortes de verbas e pediu uma audiência com o ministro. Ele ficou de verificar se é possível fazer uma reunião ainda nesta quarta-feira. “Foi importante mostrar o nosso posicionamento durante a sessão, mas é  necessário  falar com o ministro para mostrar um diagnóstico mais detalhado sobre os problemas das universidades federais, como por exemplo, a falta de pagamento de tercerizados de algumas instituições”, diz a presidente da UNE.

Os organizadores afirmam que só pretendem sair da frente do ministério após  se reunir com o ministro Joaquim Levy. “A solução para o problema financeiro do Brasil não pode afetar a educação. Os investimentos nas universidades se tornam muito mais necessarios por conta dessa expansão que as instituições tiveram com a ampliação de vagas e construção de outros câmpus. É preciso crescer com qualidade”, opina Carina Vitral.

O movimento intitulado Ocupa Brasília também faz oposição contra a redução da maioridade penal, que está em discussão no Congresso. Representantes da UNE e da Ubes participarão de reunião deliberativa na Câmara sobre o tema na tarde desta quarta-feira.

publicidade

publicidade