SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Alunos da UnB ganham competição de empreendedorismo

Eles criaram a start up Voando para Vida que atende pessoas com necessidades especiais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/07/2015 14:02 / atualizado em 17/07/2015 14:27

No começo do mês, dois estudantes de gestão ambiental da Universidade de Brasília, câmpus Planaltina, venceram o concurso Sua Ideia na Prática, organizado pela Ideation Brasil. A competição , que  é sobre empreendedorismo , conecta os participantes a ferramentas, mentores experientes e uma rede de contatos de jovens que querem empreende r   . Os premiados foram Íthalo de Castro, 19 anos, e Nikolas Gebrim, 22 anos.

Na competição, os jovens precisaram desenvolver uma startup e decidiram criar a Voando para Vida, que oferece atendimento domiciliar com atividades e terapias complementares para pessoas com necessidades especiais. “Durante 5 semanas, com encontros presenciais todos os sábados, tivemos produções acompanhadas por mentores da competição. Todos as reuniões foram utilizadas para modelar nossa ideia em formato de startup. No último dia, foi feito um pitch para os jurados e o público”, explicou Íthalo. 

“Ficamos muito satisfeitos de participar e, principalmente, pela vitória na competição. Houve algumas dificuldades, em relação às demandas da competição, que exigia a modelagem de negócios bem feita e validações das hipóteses e informações utilizadas. Foi uma ótima experiência de empreendedorismo e de grande aprendizagem profissional”, comentou Nikolas.
 
 
A ideia da startup surgiu há um ano atrás, quando o Íthalo começou a estagiar no criadouro de aves exóticas Vanair Aves, referência no ramo em Brasília. “Tive ideias de como  empreender em várias áreas da gestão ambiental. Um grande projeto relacionado às aves foi sendo desenvolvido e usamos uma das vertentes para a competição, que foi uma grande oportunidade e alavancou meu sonho de empreendedorismo. Todo o desenvolvimento foi feito em parceria com o criadouro de aves exóticas Vanair Aves”, afirmou Íthalo.

Com a vitória, foi gerada uma repercussão boa em cima da imagem dos jovens e do projeto, que os fundadores pretendem tirar do papel e usar para fundar uma empresa. “Acreditamos que daqui para frente cada vez mais pessoas e instituições virão ao nosso encontro buscando parcerias e desenvolver projetos em conjunto. Pelo fato do nosso projeto atender uma enorme demanda social, o nível de interesse por vários setores do mercado cresce a cada dia. Com toda certeza, isso irá ajudar muito na carreira e abriu uma grande rede de contatos”, completou Nikolas.

Confira aqui a página da competição.

Conheça a página do Facebook da start up.

publicidade

publicidade