SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Estudantes da UnB realizam parada gay na universidade

Os corredores do Instituto Central de Ciências foram ocupados hoje (23) por estudantes reivindicando direitos da comunidade LGBTT

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 23/06/2016 20:33 / atualizado em 23/06/2016 21:11

Tainá Seixas/Esp. CB/D.A Press

 

Antecipando a parada gay do Distrito Federal, que ocorrerá domingo na Esplanada dos Ministérios, estudantes da Universidade de Brasília (UnB) manifestaram-se hoje pelos direitos da comunidade LGBTT. Em meio a gritos de ordem repreendendo os deputados Jair Bolsonaro e Marco Feliciano, estudantes de diversos cursos reivindicaram a igualdade e os respeito à comunidade.

 

Tainá Seixas/Esp. CB/D.A Press
 

Tainá Seixas/Esp. CB/D.A Press
 

Tainá Seixas/Esp. CB/D.A Press
 

 

A universidade foi palco de ataques de grupos de extrema direita na sexta-feira passada com teor homofóbico e racista. Quando perguntando se estaria com receio de novos ataques durante a parada, o estudante de ciências sociais Vinicius Desidério, 18 anos, afirmou: “Estando em grande número de pessoas, acho que não sofremos grande risco.

 

O grande perigo é quando estamos caminhando sozinhos, a caminho do ônibus ou do Restaurante Universitário, que é quando eles agem. Estamos aconselhando a não andar sozinho para não se tornar um alvo fácil.” Para Flávia Resende, 22 anos, estudante do curso de fIlosofia, os ataques são um reflexo de como parte da sociedade pensa atualmente.

Tainá Seixas/Esp. CB/D.A Press

 

O historiador brasilianista norte-americano e professor da Universidade de Brown James Green esteve hoje na Faculdade de Comunicação da UnB para debater o tema Universidade e Democracia: pelo direito à diversidade. Dedicado à temática LGBT, comentou os ataques da semana passada. “Me choca o fato do reitor não ter tomado alguma medida. Se algo assim acontecesse na minha universidade, teriam sido tomadas medidas seríssimas”, afirma.

A 19ª edição da parada do orgulho LGBTS de Brasília está programada para ocorrer domingo (23), às 14h, na Esplanada dos Ministérios, a partir do Congresso Nacional.

publicidade

publicidade