UnB começa ano letivo com ações contra a violência de gênero

Uma das ações previstas é o acordo de parceria assinado pela reitoria da UnB, o Tribunal de Justiça do DF, o governo do DF e outros órgãos de segurança para atuação no projeto 'Maria da Penha Vai à Escola'

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 07/03/2017 17:33 / atualizado em 07/03/2017 20:54

Começaram, nesta terça-feira (7/3), as aulas do primeiro semestre de 2017 na Universidade de Brasília (UnB). Para marcar a data, foi lançada a campanha 'UnB 55 anos: Ciência e Ousadia', que faz parte também das comemorações do aniversário da instituição. Ao longo do semestre, ocorrerão palestras, seminários e exposições para resgatar o espírito do nascimento da instituição: conjugar o rigor da ciência à ousadia da arte.

 

Leia mais notícias do Eu, Estudante 

 

Uma das ações previstas é o acordo de parceria assinado pela reitoria da UnB, o Tribunal de Justiça do DF, o governo do DF e outros órgãos de segurança para atuação no projeto 'Maria da Penha Vai à Escola'. A iniciativa visa preparar professores para atuarem, dentro de sala de aula, no combate à violência doméstica.

 

Nesta terça-feira (7/3), a professora da Faculdade do Direito Debora Diniz fez a acolhida de 4 mil novos alunos do primeiro semestre de 2017. Escolhida por uma revista norte-americana como uma dos 100 pensadores globais de 2016, ela discutirá questões de gênero e segurança no #InspiraUnB. "A universidade é um lugar plural, então trabalhamos esses temas durante o ano todo e com mais força no mês de março com atividades e palestras", contou a decana de extensão Olgamir Amancia.