SIGA O
Correio Braziliense

Mais de 530 alunos do #BoraVencer chegam a faculdades públicas

Até agora, 484 foram aprovados na UnB, 49 no Instituto Federal de Brasília e um na Escola Superior de Ciências da Saúde. Selecionado pelo PAS para direito, João Paulo Alves da Silva assistiu aos aulões

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/05/2017 20:25 / atualizado em 04/05/2017 20:28

Andre Borges

A Universidade de Brasília (UnB) receberá, no próximo semestre, 145 participantes do #BoraVencer que passaram na seleção do Programa de Avaliação Seriada (PAS). Com eles, já são pelo menos 534 alunos do projeto aprovados em faculdades públicas do DF em 2016 e 2017.

 

Desse total, 484 passaram na UnB, 49 no Instituto Federal de Brasília e um na Escola Superior de Ciências da Saúde. Esses números ainda podem ser alterados à medida que novas chamadas das seleções forem divulgadas.

 

Aprovado no PAS para o curso de direito, João Paulo Alves da Silva, de 18 anos, surpreendeu-se ao ver o nome listado. “Soube por uma amiga que havia passado. Como consegui bolsa integral em uma faculdade particular, não estava esperando”, conta. Agora, ele tentará reaproveitar as matérias cursadas.

 

Todo o ensino médio do futuro calouro — que planeja ser delegado — foi cursado no Centro de Ensino Médio 1 do Núcleo Bandeirante. O foco na preparação para o curso superior só vingou no último ano do colégio, quando, além dos estudos em casa, passou a frequentar a Biblioteca Central da UnB.

 

Nessa ocasião, ele se inscreveu no #BoraVencer. “Os quatro aulões que fiz no Centro de Convenções foram fundamentais para a minha aprovação. As aulas eram muito dinâmicas e excelentes, fizeram a diferença na prova porque os professores deram muitas dicas e macetes”, avalia.

 

Para a subsecretária da Juventude da pasta de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude, Aline Bezerra, o número de aprovados superou as expectativas do programa. “Tem cursinho de renome na cidade que não tem tanta aprovação. Isso mostra a eficácia desse tipo de política pública”, opina.

 

O balanço de alunos do #BoraVencer aprovados é restrito aos resultados das instituições públicas do DF. Não inclui, portanto, possíveis selecionados em outras unidades da Federação.

 

Neste ano, os aulões e a modalidade intensivão do projeto — inclusive com um em andamento — serão preparatórios para as provas do Programa de Avaliação Seriada (PAS), da UnB, e para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

 

Em 2016, eles eram direcionados para o Enem. “Vimos que o foco do segundo semestre para o Enem tem um resultado melhor, porque está mais perto da prova”, explica a subsecretária. “Com a mudança no intensivão e aulões, queremos dar a oportunidade para quem não tem esse foco, por isso resolvemos ampliar.”

Assim, ela adianta que, no segundo semestre de 2017, haverá novamente o #BoraVencer Enem e também o de Dicas, com revisão para o certame uma semana antes da prova.

 

#BoraVencer atende demanda dos jovens do DF

Projeto gratuito da Secretaria de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude, o #BoraVencer é uma resposta a pedidos dos participantes da 3ª Conferência Distrital de Juventude, que ocorreu em 2015.

 

No ano passado, quando foi criado, atendeu 16 mil jovens com o desejo de ingressar na universidade. Para esse público, foram oferecidos oito aulões, um módulo intensivão e um de dicas.

 

Por ora, neste ano, cerca de 5,3 mil vestibulandos tiveram aulas no programa. Além de dois aulões com público somado de 4,6 mil estudantes, está em curso a primeira edição do #BoraVencer Intensivão de 2017.

 

O programa foi expandido, ainda em 2016, e conta também com as modalidades Concursos e Profissionalizante. Este último está com inscrições abertas até hoje (4) para seis cursos.

 

 

 

Agência Brasília