Corpo de jovem de 22 anos é encontrado no Lago Paranoá

O Corpo de bombeiros foi acionado na tarde de sexta e após buscas na região conseguiu localizar o corpo na manhã deste sábado

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/06/2017 13:14

Helio Montferre
O corpo de uma jovem foi encontrado no Lago Paranoá na manhã deste sábado (17/6). Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o corpo de Jéssica Tavares dos Santos, 22 anos, foi localizado ao lado da Ponte JK, em frente aos restaurantes e bares do Centro de Lazer Beira Lago.


Leia mais notícias em Cidades
 

O Corpo de bombeiros foi acionado na tarde de sexta-feira (16/6) e após buscas na região conseguiu localizar o corpo no início desta manhã, por volta de 6h. O local foi isolado para a realização da perícia.

 

Helio Montferre
 

 

A família de Jéssica chegou ao local por volta de 8h40. De acordo com familiares, a jovem estava desaparecida desde a madrugada da última quinta-feira (15/6). Durante o feriado, ela participou de um encontro da igreja Sara Nossa Terra, da qual é uma das líderes jovens. A última informação que os pais tiveram foi uma foto postada pelo grupo nas redes sociais.

Buscas

Após notar o sumiço de Jéssica, os familiares iniciaram buscas pelo paradeiro da jovem. Uma amiga de igreja repassou a informação de que a vítima a teria convidado para ir no Lago Paranoá. "Ela disse que queria espairecer um pouco na beira do Lago, mas, a amiga não quis a acompanhar. Depois disso, Jéssica pegou o carro e seguiu sozinha para o lago", contou a prima da jovem, Silvia dos Santos, 22 anos.

Nas redes sociais, amigos e familiares compartilharam informações sobre o sumiço dela. Preocupados, alguns colegas da moça foram até a orla do lago, próximo a Ponte JK em busca de informações. Eles conseguiram acesso às câmers de segurança de um dos comércios da região, onde puderam constatar que Jéssica havia chegado sozinha ao local. O carro dela estava estacionado em frente ao restaurante. Depois disso, o Corpo de Bombeiros foi acionado para as buscas no espelho d'água.

Ainda na sexta-feira, os militares percorreram o Lago Paranoá por cerca de cinco horas. As buscas foram retomadas às 6h15 deste sábado (17/6), quando foi localizado o corpo da jovem. A vítima foi encontrada a 30 metros da margem, a uma profundidade de cerca de 12 metros.

Perfil

Arquivo Pessoal

 

Jéssica era apaixonada por música, segundo familiares. A jovem estudou alguns semestres do curso de música na Universidade de Brasília (UnB). Estava com os estudos trancados temporiamente. Ela tinha como uma das paixões o Saxofone. Atualmente, estava envolvida com os projetos direcionados para os jovens da igreja Sara Nossa Terra, no Sudoeste. 

A prima relata que Jéssica não tinha nenhuma divergência com a família. "Pelo contrário, ela estava muito feliz, pelo fato da irmã dela ter virado mãe. O sobrinho de Jéssica nasceu não tem nem três meses. Estamos muito abalados com tudo isso", relatou Silvia. A vítima morava em Ceilândia Norte.