Educação superior

Associação das Universidades Comunitárias tem nova diretoria

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 15/09/2017 21:16

 

O reitor do Centro Universitário Fundação de Ensino Octávio Bastos (UniFEOB), João Otávio Bastos Junqueira, foi eleito, na última terça-feira, 12, em Brasília, o novo presidente do conselho administrativo da Associação Brasileira das Universidades Comunitárias (Abruc).

 

Junqueira, que também é diretor de relações institucionais do Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior (Semesp) e atua junto aos demais diretores do sindicato em prol dos interesses do setor e da qualidade do ensino superior no país, apresentou as perspectivas da nova gestão da Abruc: “A minha missão é tirar a lei das comunitárias (Lei nº 12.881/2013) do papel. Queremos dar oportunidade para as instituições comunitárias, cujo principal foco de receita sempre foi a mensalidade, terem aportes de recursos de outras fontes, como parcerias público-privadas”, explicou.

 

Atingir uma das metas do Plano Nacional de Educação (PNE), que é elevar a taxa bruta de matrícula na educação superior para 30%, até 2019, também é um dos desafios da nova diretoria da Abruc. “Hoje alcançamos pouco mais da metade dessa meta e estamos com 17% da taxa bruta de matrículas na educação superior”, destacou. “Vamos trabalhar para chegarmos aos 30% nos próximos dois anos. ”

 

Balanço

Durante sua 35ª assembleia extraordinária, a diretoria da instituição, ainda presidida pelo reitor da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), padre Pedro Rubens Ferreira Oliveira, apresentou aos presentes as propostas de alteração do estatuto da Abruc. Após a discussão e aprovação das proposições, deu-se início à 36ª assembleia extraordinária, com o processo que elegeu a nova diretoria para o biênio 2017-2019.

 

Depois de dois mandatos como presidente, padre Pedro Rubens desejou boa sorte à nova diretoria e fez um balanço de sua gestão: “Meus sentimentos são de missão cumprida e de profunda gratidão por esses oito anos na diretoria, sendo quatro deles como presidente. Entre tantas experiências, tive o privilégio de participar do processo de elaboração da nova lei das comunitárias, de sua aprovação e primeiros anos de implementação. Apesar das dificuldades e desafios, a missão da Abruc é apaixonante”, afirmou Pedro Rubens.

 

Abruc

Fundada em 26 de julho de 1995, a Associação Brasileira das Universidades Comunitárias reúne 66 instituições comunitárias de ensino superior, que apresentam conceitos de três a cinco no IGC, encontrando-se bem colocadas e avaliadas pelos instrumentos aplicados pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). São instituições sem fins lucrativos, que desenvolvem ações essencialmente educacionais, como ensino, pesquisa e extensão, atividades nas quais despontem com excelência. A este cenário soma-se sua forte vocação social, com expressiva presença na área de saúde por profissionais altamente qualificados.