SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

USP promove a 12ª Feira de Profissões

Abertura do evento aconteceu na manhã desta terça-feira; visitações ocorrem até o próximo dia 6/6

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/06/2013 16:14 / atualizado em 04/06/2013 16:37

Teve início na manhã desta terça-feira, 4 de junho, no Ginásio de Esportes do Campus “Luiz de Queiroz”, a 12ª Feira de Profissões da USP (FEPUSP) – c âmpus interior, iniciativa que surgiu da necessidade de dar visibilidade aos cursos de graduação existentes nos campi do interior. Durante a Feira, os alunos que estão de olho em seu futuro têm a oportunidade de conhecerem o universo dos cursos de graduação dos Campi do interior da USP - Bauru, Lorena, Piracicaba, Pirassununga, São Carlos e Ribeirão Preto, além de orientações sobre o vestibular da USP que é realizado pela Fuvest. O evento, voltado para estudantes de ensino médio e vestibulandos, segue até a próxima quinta-feira, 6 de junho.

Esta é a terceira vez que a Feira acontece na unidade da USP em Piracicaba, pois o evento é de caráter itinerante. Além da cidade de Piracicaba, outros 104 municípios dos estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro inscreveram suas escolas e colégios para percorrerem os 47 estandes montados com as faculdades existentes nos campi do interior da USP. Para receber os visitantes, uma equipe de docentes, discentes, funcionários e demais monitores foram treinados para recepcionarem e passarem informações sobre esse universo acadêmico, bem como orientações sobre o vestibular da USP que é realizado pela F uvest.

Das 194 escolas inscritas para visitarem a 12ª FEPUSP, 39% pertencem à rede pública de ensino e 61% são escolas particulares. Só da cidade de Piracicaba, foram inscritas 17 escolas. Destas, 53% pertencem à rede pública e 47% são particulares. Demais visitantes também estão percorrendo a Feira individualmente. Até o final do evento, será divulgado o número exato de participantes.

Às 09h00, aconteceu a abertura do evento, ocasião em que os visitantes foram recepcionados pela comissão de Honra composta pela professora Maria Arminda do Nascimento Arruda, pró-reitora de Cultura e Extensão Universitária da USP, professor Wilson Roberto Soares Mattos, presidente da Comissão de Cultura e Extensão Universitária da ESALQ, professor José Vicente Caixeta Filho, diretor da ESALQ, professor Antonio Vargas de Oliveira Figueira, diretor do Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA) e professor Antonio Augusto Domingos Coelho, presidente da Comissão de Graduação da ESALQ.

Depoimentos na abertura
Para Wilson Roberto Soares de Mattos, o evento faz com que os jovens que serão futuros alunos da USP, tenham uma ideia do que será o seu futuro curso de graduação. “A maioria dos jovens chega na idade de fazer vestibular ainda indecisa e essa é uma oportunidade ímpar deles conhecerem o nosso ambiente, tomarem informações sobre os cursos e ajudá-los a formar uma opinião sobre qual faculdade cursar”.

De acordo com Antonio Augusto Domingos Coelho, essa é uma importante ocasião que a USP proporciona para os egressos do ensino médio. “Cada um dos estandes trouxe para cá a sua realidade, a sua área de atuação, o conhecimento gerado no curso e, com isso, pretendemos interagir com esses visitantes. Essa integração facilita a escolha por um curso de nível superior de modo correto. Não só a ESALQ, mas todos os cursos, de todos os campi, trouxeram para cá um material de muita qualidade para quem visita a 12ª Fepusp”.

O diretor da ESALQ, José Vicente Caixeta Filho, afirmou ser uma honra receber a 12ª FEPUSP e lembrou ser esta uma oportunidade em que a USP se aproxima dos futuros alunos e, mais ainda, uma oportunidade para que a USP envolva as unidades e faculdades dos campi do interior. “A USP é uma marca relacionada ao Campus da capital, o que é legítimo, mas aqui no interior nós temos muito conhecimento a ser compartilhado”. Ainda segundo Caixeta, a FEPUSP tem o intuito de aproximar da sociedade o conhecimento gerado nos mais diversos cursos. “É também uma oportunidade para atrairmos estudantes de excelente nível, comprometidos, que venham a se relacionar com atividades de ensino, pesquisa e extensão, atividades comprometidas em contribuir com um incremento ao bem estar da sociedade paulista e brasileira. Esperamos que esses jovens, que vêm nos visitaram possam se tornar embaixadores e propagadores de uma instituição que de fato tem se esmerado por realizar o seu trabalho”.

Maria Arminda do Nascimento Arruda, pró-reitora de Cultura e Extensão Universitária da USP, reforçou o significado da FEPUSP para a USP. “A Feira é um momento ímpar na relação entre universidade e sociedade, entre a universidade e o ensino médio do Estado de São Paulo. Trata-se de um momento privilegiado de abertura da Universidade para as novas gerações. É uma oportunidade nos mostrarmos para os nossos futuros alunos, que serão os futuros dirigentes da própria USP”. Ainda segundo a pró-reitora, as universidades estão submetidas às novas demandas e, entre elas, talvez a mais nobre seja aquela ligada ao projeto público e republicano de educação. “Este projeto está na origem da USP e a FEPUSP é fundamental dentro do projeto da nova Universidade de São Paulo, dentro da realidade das novas universidades mundiais, que difundem ciência e são parte da cultura contemporânea. Com a realização de eventos como este a USP cumpre seu papel social de responder aos desafios da atual sociedade”.
Tags:

publicidade

publicidade