SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

EDUCAÇÃO

O mundo além dos livros

Frequentar exposições, ir ao cinema são alguns programas que ampliam a bagagem cultural e auxiliam na preparação para o Enem. O fim de semana do Distrito Federal está recheado de opções interessantes

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 22/09/2014 12:59 / atualizado em 22/09/2014 13:02

Paula Rafiza

 

Resolver exercícios, participar de simulados e tirar dúvidas com os professores são atividades fundamentais para quem estuda para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), aplicadas em todo o país em 8 e 9 de novembro. Ainda assim, é preciso estar atento a outras atividades que podem contribuir para alcançar um bom desempenho na avaliação: frequentar exposições, acompanhar filmes e documentários e conferir programações culturais relacionadas a disciplinas do exame são boas alternativas para aqueles que pretendem variar a rotina de estudos.

“É fundamental que o aluno tenha momentos de descanso ativo, nos quais associe uma atividade de lazer com conteúdos da prova”, explica o professor de redação do grupo Impacto,Marcelo Freire. “Assistir a um documentário sobre temas da atualidade ou participar de uma visita a uma exposição pode ser o equivalente a algumas horas em sala de aula. O Enem é uma prova que considera não somente o conteúdo, mas habilidades e competências”, ressalta.

“É fundamental que o aluno tenha momentos de descanso ativo, nos quais associe uma atividade de lazer com conteúdos da prova”, explica o professor de redação do grupo Impacto,Marcelo Freire. “Assistir a um documentário sobre temas da atualidade ou participar de uma visita a uma exposição pode ser o equivalente a algumas horas em sala de aula. O Enem é uma prova que considera não somente o conteúdo, mas habilidades e competências”, ressalta. E geografia. Este ano, tivemos marcos históricos importantes, como o 100º aniversário da Primeira Guerra Mundial, que renderam filmes e documentários. Às vezes, é umpouco complicado conciliar,mas sempre tento introduzir esses programas no meu calendário de estudos”, conta a estudante, que utilizará a nota do exame tentar uma vaga para no curso de engenharia civil na Universidade de Brasília (UnB). “É sempre bom dar uma relaxada, senão a gente não aguenta. Unir o útil ao agradável é uma boa opção”, completa.

“Quando o aluno monta uma estratégia de estudos, indicamos filmes e outras atividades que podem ser utilizados para entender determinadas disciplinas. Também chamamos os alunos para acompanharemo noticiário e temas da atualidade”, explica o professor de história e coordenador do curso pré-vestibular Sentido Único, Rodrigo Pavan. Segundo a psicopedagoga Cristiane Souza, momentos de descanso longe de livros e apostilas são importantes para assimilar melhor o conteúdo estudado. “Intercalando a grade de estudos com uma atividade lúdica ou visual, o aluno tem um poder maior de absorção dos conhecimentos estudados”, ressalta.


Na busca por uma vaga no curso de medicina, os estudantes Antenor Aguiar, 19 anos, e Camila Damasceno, 18, apostam em programas culturais nos intervalos da intensa rotina de preparação. “A prova é bastante contextualizada, não adianta saber somente o conteúdo”, afirma Camila, que fará o exame pela segunda vez. “Principalmente aos fins de semana, quando temos aula e realizamos simulados, é bom ver um filme no sábado à noite e fazer um programa cultural no domingo”, completa Antenor.

Tags:

publicidade

publicidade