SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

EDUCAÇÃO

14 filmes para ajudar no Enem

Professores indicam produções que podem ajudar os alunos no Exame Nacional do Ensino Médio,em 8 e 9 de novembro. Entre documentários e obras de ficção, as produções reforçamo conteúdo e servem para espairecer, mas não substituem o tempo de estudo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/11/2014 11:27 / atualizado em 04/11/2014 12:18

Thaís Paranhos , Manoela Alcântara

Além dos livros e dos exercícios, assistir a filmes e documentários, visitar exposições e ler jornais pode contribuir para os estudantes que se Preparam para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) assimilarem novos conteúdos. As histórias contadas nas telas, por exemplo, podem fornecer informações complementares e ser uma boa opção para descansar a cabeça dosmais de 8,7 milhões de candidatos que farão as provas em 8 e 9 de novembro. Os especialistas no assunto, no entanto, não recomendam que os alunos troquem as horas de estudo para ficar em frente à televisão.

Um filme bem escolhido é capaz de ajudar a responder às questões e na elaboração da redação. O professor de artes cênicas do Pódion e do Cecan, Eduardo Fernandes, indica obras nacionais para ampliar a capacidade de argumentação do aluno. Segundo ele, os filmes que abordam assuntos sociais, com contextos sobre a ditadura militar e manifestações culturais, por exemplo, podem ajudar o aluno a fixar o conteúdo aprendido. “O que já viram na teoria pode ser reforçado por meio de imagens. É uma maneira de transferir para o espectador o que se passou em determinado período”, explicou.

Ele ressalta que o Enem não tem uma lista de obras, como o Programa de Avaliação Seriada (PAS), mas os filmes podem ser
uma maneira interdisciplinar de trabalhar o conteúdo. “É importante lembrar que o candidato não deve parar de estudar nesta reta final para o Enem. Os filmes podem ser intercalados com os exercícios para fixar o conteúdo. É uma forma de aprender relaxando”, completou Fernandes. Entre as sugestões do professor, estão Desmundo, Carlota Joaquina, Bicho de 7 Cabeças, Carandiru e documentários. “Gosto muito de Narradores de Javé. É pouco conhecido, mas mostra o avanço de uma pequena cidade, a necessidade de preservar a memória de um local. Poderia indicar umas 100 obras.”

Professor de história e sociologia do ColégioGalois, MárcioNunes disse que a prática de usar produções cinematográficas dentro de sala de aula pode complementar o ensino. Ele costuma usá-la entre um conteúdo e outro. “Conectar as aulas, em um intervalo entre os temas, pode ajudar o aluno a entender um pouco mais sobre como as coisas aconteciam”, defendeu. Para ele, assistir a filmes que tratem de assuntos atuais também contribui para um bom desempenho nos exames. “As questões do Enem e dos vestibulares, em geral, tendem a ter uma proposta mais interdisciplinar.OdocumentárioUma verdade inconveniente, por exemplo, é importante porque fala sobre o meio ambiente, tema atual e muito abordado nas provas”, exemplificou.

Resultado de sucesso
A estudante do 1º semestre de arquitetura da Universidade de Brasília (UnB) Luiza Coimbra de Oliveira, 17 anos,procurou outros meios para estudar além dos livros. Ela fez o PAS, o vestibular e o Enem.Passou em outras universidades, mas preferiu ficar em Brasília. “Eu procuravamuito essesmétodos diferentes porque acho que a gente fixa melhor o conteúdo. Se a gente fica na mesmice, cansa a mente e não consegue absorver muito”, comentou. Além dos filmes de ficção e os documentários, ela se aprofundou em livros não didáticos. “Recomendo o filme sobre Getúlio Vargas, o Nós que aqui estamos por vós esperamos, e um sobre o escritor teatral francês Molière”, indicou.

O estudante de engenharia de software Matheus Carters Proença, 18 anos, também recomenda aos candidatos assistirema filmes e documentários. “Eles podem ajudar bastante. E vale a pena assistir desde os que tratam das questões de história até os temas mais diversos, como biologia e geografia”, comentou. Para ele, é Um jeito divertido de rever o conteúdo, se distrair e aprender um pouco mais.Matheus entrou na UnB pelo PAS, mas pretende fazer o Enem para cursar psicologia. “Sempre me preparo assim, lendo revistas e vendo filmes”, finalizou.

O professor de história do Sigma José Augusto Brandão indica aos estudantes filmes dos quais eles podem absorver algumas questões conceituais, emvez de um conteúdo mais específico, mais exigido no Enem. “O exame trabalha mais temas do que o conteúdo em si e essa dica pode ajudar a responder as questões”, explicou. O professor tem uma lista extensa de filmes para recomendar que vão desde aGrécia e a Roma antigas até temas mais atuais, como o apartheid, na África do Sul. Ele cita como exemplo os filmes Tempos modernos, Tempos de paz, Diários de motocicleta e Invictus, entre outros.Mesmo com tantos filmes à disposição, Brandão lembra que o método tradicional de estudo não deve ser substituído. “É um complemento, o audio visual ajuda a guardar a informação”,completou.

 

Matheus Carters Proença,
18 anos, estudante de engenharia de software na

 

 

 

Confira as datas
das provas
8 de novembro
» Ciências Humanas e suas Tecnologias
e Ciências da Natureza e suas
Tecnologias
» DDuurraaççããoo:: 4h30
9 de novembro
» Linguagens, Códigos e suas
Tecnologias, Redação e Matemática e
suas Tecnologias
» DDuurraaççããoo:: 5h30

Tags:

publicidade

publicidade