SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Estudante morre em local de prova do Enem em Olinda

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/11/2014 16:17 / atualizado em 08/11/2014 17:22

Diário de Pernambuco

Os atrasos comuns nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terminaram em tragédia, na manhã deste sábado (8), em Olinda. A estudante Edvânia Florinda de Assis, 32 anos, chegou atrasada ao Colégio Santa Emília, no bairro de Jardim Atlântico, onde iria fazer os exames. Apesar de ter conseguido entrar, ela começou a passar mal, depois de correr para acessar os portões, desmaiando na frente da unidade.

Segundo o 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM), testemunhas ainda tentaram socorrê-la, mas ela faleceu no local, vítima de um possível Acidente Vascular Cerebral (AVC). De acordo com informações do Instituto de Medicina Legal (IML), o corpo de Edvânia chegou por volta das 15h ao necretério, em Santo Amaro.

O Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais AnísioTeixeira (Inep), publicou nota de pesar sobre a morte no fim da tarde deste sábado. Leia a íntegra logo abaixo.

O Instituto Nacional de Estudos Educacionais Anísio Teixeira (Inep) lamenta profundamente a morte da participante do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014 Edivania Florinda de Assis, ocorrida neste sábado, 8, em Olinda, no Colégio Santa Emília, onde faria as provas. Nesta oportunidade, o Inep se solidariza com a sua família.
Tags:

publicidade

publicidade