SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Estudantes discordam sobre dificuldade do 1º dia de provas do Enem

Neste sábado (8), candidatos fizeram avalição sobre ciências humanas e ciências da natureza

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/11/2014 17:08 / atualizado em 08/11/2014 17:39

Kelsiane Nunes /Especial para o Correio

Kelsiane Nunes/Esp. CB/D.A Press
Com fim marcado para as 17h30 deste sábado (8), o primero dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio dividiu a opinião de candidatos. Para Ana Gabriela Santos, 16 anos, as avaliações de ciências humanas e de ciências da natureza foram mais fáceis do que o que ela esperava. "A prova foi tranquila, os itens não estavam muito difíceis", diz. A estudante de 2º ano fez a avaliação como treineira e destacou assuntos como produção de café e escravidão na prova de história. Já Ana Laura Aguiar, 17, teve dificuldade para responder os itens. "Esta é a primeira fez que faço o Enem e não estava fácil. Cairam alguns assuntos que não são ligados diretamente ao conteúdo da escola, como atualidades. Estou com medo da prova de amanhã", conta. Ela pretende fazer curso de arquitetura ou design de interiores a partir da nota do exame. Anderson Costa, 17, também não está confiante quanto ao desempenho no exame. "Não estudei muito e acho que não fui bem no exame", conta. Ele pretende conquistar uma vaga no curso de filosofia na Universidade de Brasília (UnB). Um item sobre queijo mineiro surpreendeu a estudante de 3º anos Bruna Rodrigues, de 17 anos. "Não esperava responder uma questão sobre queijo. A parte mais difícil da prova foi física, tive de usar muito a minha imaginação para contextualizar as perguntas", conta. Na opinão de Bruna, as provas de amanhã, de linguagens, matemática e redação, não devem ser mais fáceis do que as de hoje. Ela aposta em temas como preconceito, falta de água ou dengue e ebola para a produção de texto. Para Caio Gonçalves, 17 anos, a surpresa foi uma questão sobre o colonialismo. No DF, houve mais de 160 mil inscritos para o Enem 2014. A quantidade de escritos nacionalmente passa de 8,7 milhões. Neste domingo (9), a prova terá início às 13h (horário de Brasília) e duração de 5h30. Serão aplicadas as provas de linguagens e suas tecnologias, matemática e suas tecnologias e redação.
Tags:

publicidade

publicidade