SIGA O
Correio Braziliense

Vídeos democratizam o conhecimento na internet

Conheça o caso de dois ex-alunos do ITA que criaram portais de vídeos didáticos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 21/06/2012 12:35


A internet facilita a difusão de conhecimentos com vídeos, sites, aulas, cursos e até provas on-line. Conheça aqui algumas fontes de conhecimento virtuais.

Matemática
Um jovem brasileiro, ex-aluno do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), resolveu dividir seu conhecimento com o resto do mundo. Ele lançou na internet uma plataforma com 700 vídeos de matemática para alunos de ensino fundamental e médio. A duração de cada um varia entre sete e 12 minutos.

Esse ex-aluno brilhante do ITA é Thiago Feijão, 22 anos. Ele é formado em engenharia mecânica e teve a ideia depois de dar aulas para jovens de baixa renda em Organizações Não Governamentais (ONGs). Ele ficava frustrado por não conseguir atender a todos os alunos que queriam assistir suas aulas, então, fez os vídeos.

No site QMágico, os internautas podem escolher vídeos por séries (ensino fundamental, médio ou pré-vestibular) ou por tema (geometria, álgebra, funções e análises combinatórias, dentre outros). As filmagens mostram uma lousa ou um caderno sendo preenchido, com uma voz que explica o que é feito. O site também disponibiliza testes e exercícios. Os narradores são estudantes de boas universidades ou professores que recebem bolsa para ensinar ciranças e adolescentes. Para o futuro, o objetivo é produzir vídeos com conteúdos de português e física.

O site vende para escolas e redes de ensino plataformas de ensino virtual, onde é possível fazer atividades e avaliações on-line. Também oferece um serviço de treinamento para professores e instituições com orientações para o uso das tecnologias em sala de aula.

Universidades renomadas
Já pensou em ter aulas com Dalai Lama, Steve Jobs ou Oprah Winfrey? Você pode fazer isso no portal de vídeo-aulas Veduca. Carlos Souza, engenheiro, também formado pelo ITA, investiu no segmento de educação ao lançar o portal, que disponibiliza mais de 4,7 mil vídeo-aulas de onze importantes universidades dos Estados Unidos e da Austrália. Os vídeos já foram vistos por mais de 65 milhões de pessoas no Youtube, parte do material é legendado e o acesso é totalmente gratuito.

As vídeo-aulas são divididas entre 200 cursos superiores de universidades como as americanas Harvard, Michigan, Columbia, Stanford, Princeton, California, Massachusetts Institute of Technology (MIT) e New York University (NYU), e a australiana The University of New South Wales. O público alvo dos vídeos é formado por pré-vestibulandos, universitários, professores e profissionais de áreas específicas. Também é possível, pela ferramenta de busca, especificar uma palavra de interesse para que seja localizada no exato momento em que é pronunciada na aula.


Confira outros portais de vídeo-aulas

Vídeo Aulas Brasil - grande acervo de aulas sobre desenvolvimento de sites e internet.

Site do Estudante - vídeo aulas em português sobre conteúdos de ensino fundamental e médio. Há também aulas preparatórias para o Enem. Além do professor na tela, os vídeos trazem gráficos, imagens animadas e outras ferramentas que facilitam o aprendizado.

Portal das video aulas - traz vídeo-aulas com especialistas sobre diversos assuntos como oratória, maquiagem, internet, conteúdos escolares, administração, dentre outros.
Tags: