SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

A lendária história de Zarafa

Inspirado nas obras de Júlio Verne, filme recria a saga da primeira girafa a ser vista na França

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 22/07/2013 11:01 / atualizado em 22/07/2013 12:40

À sombra de um baobá, um velho homem, líder de um pequeno vilarejo no Sudão, conta a seus netos a história de amizade entre Maki, um garotinho que se perdeu da família e precisa fugir de um malvado traficante de escravos, e Zarafa, uma girafinha órfã destinada a servir de presente para o ilustre rei da França. Assim começa Zarafa, animação imperdível baseada na história real da primeira girafa que aportou na França, nos anos 1800.


Presente do Egito
Até onde você iria para ficar perto do seu bichinho de estimação? Enfrentaria os perigos escaldantes do deserto, atravessaria florestas perigosas, suportaria a chuva, a fome, o frio extremo, teria coragem de voar de um país a outro a bordo de um balão?

Assista o Trailer

O pequeno Maki fez tudo isso e foi ainda mais longe. Ele atravessou todo o continente africano e chegou à Europa só para não ficar longe de Zarafa, sua melhor amiga. Tudo bem que ela não é um bichinho de estimação comum. Na verdade nem é exatamente um bicho de estimação: Zarafa é uma girafa!

Acontece que o Egito está em guerra contra os turcos, e o governador egípcio, o Paxá Mehemet Ali, quer ter como aliado o Rei Charles X, da França, para vencer a batalha. Para isso, vai oferecer ao monarca europeu um presente exótico, diferente e extraordinário: uma girafa! Tchan-tchan-ran-ran! Pobre Zarafa, acabou sobrando para ela.

História real
A animação Zarafa é livremente inspirada na história da primeira girafa a ser levada para a França, em 1827. A Zarafa da vida real cruzou desertos e mares e, quando chegou a Paris, fez o maior sucesso. As pessoas vinham de longe só para ver aquele animal pescoçudo tão intrigante — numa época em que ainda pouco se sabia sobre a vida dos animais selvagens na Terra.

Girafamania

Quando a verdadeira Zarafa chegou à França, nos anos 1800, as roupas das mulheres ganharam estampas que imitavam a pele de girafa. A sensação por lá ganhou até nome, e virou a Girafamania. Depois que morreu, Zarafa, a verdadeira, foi empalhada e está atualmente exposta no Museu de História Natural de La Rochelle, na França.

Vida no zoológico

Você provavelmente já visitou algum zoológico cheio de animais selvagens e exóticos. Mas sabe por que mantemos animais silvestres em lugares assim? Esse era um hábito de reis poderosos: ter coleções infinitas de animais podia representar poder. A primeira coleção de animais foi provavelmente feita pelos egípcios há mais de 4 mil anos. Hoje, os zoos trabalham para ajudar na preservação das espécies.

Gigante da natureza
Por causa do pescoção enorme, as girafas são os bichos mais altos que vivem atualmente sobre a Terra. Esses animais têm uma excelente visão e são muito velozes: fugindo de predador, eles podem atingir até 60km/h! Imagina o galope desses gigantes? Eles dormem apenas cerca de duas horas por noite e, quase sempre, em pé.

Nós vimos

Os irmãos gêmeos Victoria e Victor Ogoke, 11 anos, adoraram a aventura animada Zarafa. Eles nasceram no Brasil, mas têm uma ligação direta com o continente africano: os pais de Victor e Victoria são naturais da Nigéria, país próximo de onde a história de Maki e da girafinha órfã começa.

— É uma história incrível que fala sobre coragem e liberdade! , destaca Victor.

— O filme lembra uma parte muito ruim da história, mas que ninguém pode esquecer, que é o período da escravidão, lembra Victoria.

Quem é quem?
Maki

É um pequeno menino africano muito obstinado e cumpridor de todas as promessas que faz. Sequestrado por uma quadrilha de traficantes de escravos, Maki foge e encontra uma girafa que mudará para sempre a
vida dele.

Zarafa

Assim como Maki, a pequena girafa se vê, de repente, completamente sozinha no mundo. Zarafa acaba se afeiçoando ao menino, e os dois se tornam amigos inseparáveis. Tudo o que ambos querem é voltar para casa, na África.

Hassan
Um beduíno sério e cheio de princípios, ele é um legítimo homem do deserto. Fala pouco, mas sua experiência e sua sabedoria se impõem. Sua força será fundamental para ajudar Maki e Zarafa.

Moreno

Um escravista tenaz e vingativo, que impõe sua força sobre os menores e mais fracos. Tudo o que ele quer é capturar o maior número de africanos, crianças ou adultos, para depois vendê-los como escravos na Europa.

Bouboulina

É uma pirata grega que tem um grande coração, chefe de um bando de piratas de aspecto sanguinário, mas que, na verdade, são totalmente pacíficos. Como alguns outros elementos dessa história, Bouboulina existiu na vida real.

Soula

Confidente e amiga de Maki, que também foi raptada pela gangue de escravistas, mas não conseguiu escapar. Quando se reencontram, vão ajudar um ao outro a encontrar o caminho de casa. 

Tags:

publicidade

publicidade