SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Cade investiga venda de pacotes

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/08/2013 12:39

O Estádio Itaquerão, em São Paulo, ainda em construção, tem um dos ingressos mais caros da Copa do Mundo (Luiz Prado/Agência Luz) 
O Estádio Itaquerão, em São Paulo, ainda em construção, tem um dos ingressos mais caros da Copa do Mundo


Detentora da exclusividade de comercialização de pacotes de hospedagem para a Copa do Mundo, a empresa Match está sendo investigada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Em representação apresentada pelo Ministério Público Federal, a empresa escolhida pela Fifa é acusada de violação à livre concorrência e de lucros abusivos. A Match compra pacotes da rede hoteleira no Brasil e os revende a consumidores com o selo da Fifa.

“Além de estar caracterizado o monopólio no mercado de venda de ingressos para a Copa do Mundo, deve ser ressaltado que esse tipo de evento (...) gera uma demanda muito superior à oferta do produto, que é relativamente escasso e sem substitutos (ingressos), caracterizando uma baixa elasticidade no preço da demanda, o que reforça o poder de mercado do ofertante e provoca preocupação quanto à possibilidade de abuso deste poder”, diz o documento, assinado pelo procurador da República Frederico Paiva.

Em nota, a Match diz desconhecer o teor da representação e afirma não ter recebido notificação a respeito da investigação. “A Match sempre colaborou com as autoridades no passado e continuará a colaborar no futuro”, defendeu-se.
Tags:

publicidade

publicidade