SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Audiência debate impactos de acidentes de trabalho na Previdência e no SUS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 03/07/2014 14:02 / atualizado em 03/07/2014 14:18

Agência Câmara

A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados realiza audiência pública hoje, às 9h30, para discutir os impactos dos acidentes de trabalho no Brasil e, especificamente, na Bahia sobre a folha da Previdência Social e sobre as despesas do Sistema Único de Saúde (SUS).


O deputado Amauri Teixeira (PT-BA), que solicitou o debate, ressalta que cerca de 700 mil acidentes de trabalho são registrados no Brasil todos os anos, de acordo com os ministérios da Previdência Social e da Saúde, sem contar os casos não notificados oficialmente.


A utilização de maquinário velho e desprotegido, de tecnologia ultrapassada e de mobiliário inadequado aparece entre as principais causas desses acidentes, ao lado do ritmo acelerado, assédio moral, cobrança exagerada e desrespeito a diversos direitos.


Fraturas, luxações, amputações e outros ferimentos, e até mesmo a morte do trabalhador, são as consequências dos acidentes mais frequentes. Em seguida, vêm lesões por esforço repetitivo e Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (LER/Dort), além de transtornos mentais e comportamentais, como episódios depressivos, estresse e ansiedade. Anualmente, o País gasta em torno de R$ 70 bilhões por causa dos acidentes de trabalho.

Foram convidados para o debate representantes dos ministérios da Previdência Social, da Saúde e do Trabalho; do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho (Sinait); e do Sindicato dos Auditores Fiscais do Trabalho da Bahia.

A audiência será realizada no plenário 7.

Tags:

publicidade

publicidade