SIGA O
Correio Braziliense

Educação discute novas metodologias de prevenção às drogas

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados promove hoje uma audiência pública para discutir a criação de novas metodologias de educação e prevenção às drogas.

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/12/2016 18:42

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados promove hoje uma audiência pública para discutir a criação de novas metodologias de educação e prevenção às drogas.

Para o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), que propôs o debate, os jovens estão passando por diversos problemas sociais por causa das drogas e é preciso buscar propostas para ajudar em sua formação pessoal.

“É justamente neste período que eles mais precisam de apoio, orientação e referência, tornando-se necessária a criação de projetos educacionais bem estruturados que gerem uma grande mobilização, envolvendo professores, pais e alunos, veículos de comunicação e chamando toda sociedade para debater o assunto em prol da vida e da saúde, com resultados práticos e duradouros”, defendeu o deputado.

Convidados
Foram convidados para debater o assunto:
- a assessora da Secretaria de Educação Básica do Ministério da Educação Gláucia Campos;
- a assessora técnica da Coordenação Geral de Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas da Secretaria de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde, Cinthia Lociks de Araújo;
- a representante da Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas do Ministério da Justiça, Ana Lúcia Ferraz;;
- o presidente da ONG AboutFace Brasil (Projeto Tô Ligado!), Guilherme Corrêa Gonçalves Santos;
- o analista de Programas da Unidade de Saúde e Desenvolvimento do Escritório das Nações Unidas Sobre Drogas e Crime (UNODC), Francisco Cordeiro;
- o presidente da International Police Association (IPA) Brasil Seção 27, delegado da Polícia Federal Joel Zaperllon Mazo; e
- o presidente do Conselho Estadual de Políticas sobre Drogas de Minas Gerais, Aloísio Andrade.

A audiência pública será realizada no plenário 10, a partir das 9h30.

 

Agência Câmara