SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Professores do Rio decidem continuar greve até quarta-feira

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/08/2013 16:33 / atualizado em 26/08/2013 16:45

Agência Brasil

Há dezoito dias em greve, professores e funcionários da rede municipal de ensino do RIO DE JANEIRO decidiram nesta segunda-feira (26) pela continuidade da paralisação. Uma nova reunião está marcada para a próxima quarta-feira (28) a fim de decidir os rumos do movimento. Entre as reivindicações estão reajuste salarial de 19% e plano de carreira unificado.

A assembleia reuniu 3 mil grevistas, segundo o Sindicato Estadual de Profissionais de Educação (Sepe) e 1.500, de acordo com a Polícia Militar. A direção do Sepe está reunida agora à tarde com a equipe técnica da prefeitura. O restante dos grevistas aguarda o resultado do lado de fora do prédio.

Segundo a coordenadora do sindicato, Martha Moraes, antes de aceitar a proposta do prefeito Eduardo Paes, os profissionais da rede municipal querem uma audiência com a secretária municipal de Educação, Claudia Costin. "Queremos, primeiramente, discutir com a secretária a pauta pedagógica", afirmou.

A sindicalista acrescentou que espera o resultado de audiência no Tribunal de Justiça (TJRJ) na quarta-feira para definir o fim da greve. "Na quarta-feira à tarde teremos uma audiência no TJRJ, para analisar a discussão sobre o corte de ponto.

Por intermédio da assessoria de imprensa, a prefeitura do Rio informou que, até o momento, não foi comunicada sobre a decisão de continuidade da greve dos professores municipais. “A prefeitura não tem nada a declarar sobre o assunto”, disse a assessoria.
Tags:

publicidade

publicidade