publicidade

Professores decidem manter greve após anúncio de Rollemberg

Governador prometeu pagar os reajustes, mas somente em outubro de 2016

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
Representantes do Sindicato dos Professores no Distrito Federal (Sinpro-DF) e da Secretaria de Educação reuniram-se no Palácio do Buriti na manhã desta sexta-feira (23/10). Na reunião foi discutida a decisão apresentada pelo governador Rodrigo Rollemberg (PSB) com relação aos reajustes: eles serão pagos integralmente. Porém, só no segundo semestre de 2016.

A classe está em greve desde 15 de outubro. A terceira parcela do reajuste deveria ter sido paga em setembro, em um acordo que foi firmado em 2013, ainda durante o governo de Agnelo Queiroz. Com o anúncio de Rollemberg, o movimento grevista continua. De acordo com a Polícia Militar, 500 manifestantes estão em frente ao Palácio.

publicidade

publicidade