SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Estudantes da UnB paralisam atividades e pedem melhores estruturas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 24/06/2013 14:46

Cerca de uma centena de estudantes do curso de odontologia da Universidade de Brasília (UnB) divulgaram nesta segunda-feira (24) manifesto no qual pedem melhorias nas condições dos laboratórios pré-clínicos da da clínica odontológica do hospital instituição (HUB). Para pressionar tanto a universidade quanto o hospital, os estudantes decidiram paralisar as atividades clínicas e teóricas inscritas no Departamento de Odontologia até que uma solução seja apresentada.

“A infraestrutura atual não tem condições de atender mais do que 15 alunos por semestre. O problema é que, com o aumento de vagas promovido a partir do Reuni [Reestruturação e Expansão das Universidades Federais], entram [na UnB] 30 alunos por semestre”, disse o estudante do sétimo semestre de odontologia Igor Morais, um dos líderes do movimento.

Segundo Morais, por causa das condições dos laboratórios, muitas disciplinas tiveram sua carga horária reduzida em 50%. “É uma contradição porque todos os alunos têm de ter presença mínima em 75% das aulas. Com isso, muitas turmas estão terminando o semestre sem ter o aproveitamento mínimo necessário”, disse ele.

Entre as reivindicações apresentadas pelos estudantes, estão a aquisição de material de consumo para o HUB, a climatização adequada de laboratórios, telefone para agendamento de pacientes, vedamento adequado das câmeras radiológicas, bombas de vácuo para sugadores e gerador de energia para a clínica odontológica do hospital.

Os estudantes se reuniram com a diretora da Faculdade de Saúde, Lílian Marly, para apresentar as demandas. Segundo eles, a diretora disse que as demandas já estão sendo analisadas e que a demora na aquisição de material para o HUB é decorrente das etapas que precisam ser cumpridas pela Lei de Licitações.

A Agência Brasil tentou, sem sucesso, ouvir a diretora da faculdade por celular.
Tags:

publicidade

publicidade