SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

TRABALHO

Prova da Anvisa em setembro

Depois de ter concurso suspenso por denúncias de irregularidades, agência remarca a data da nova seleção

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 01/07/2013 11:16 / atualizado em 01/07/2013 11:20

Larissa Domingues

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) vai reaplicar as provas objetivas e discursivas de seu concurso em 1º de setembro, para candidatos de nível superior, e, em 15 de setembro, para os de nível médio. São 314 oportunidades em aberto. As primeiras provas foram suspensas devido a uma série de irregularidades. De acordo com o edital, publicado ontem no Diário Oficial da União, os participantes que infligiram as regras anteriormente estão excluídos da disputa.Quem desistiu da seleção pode pedir a devolução da taxa pelo site www.cetroconcursos. org.br, entre 2 e 4 de julho.

Candidatos que participaram dos exames em 2 de junho denunciaram uma série de irregularidades. Mais de 50 pessoas que fizeram as provas em Brasília registraram ocorrência em uma delegacia. Problemas, como uso de celulares em sala de aula, atrasos no início das provas e troca dos cadernos de questões foram observados. A pedido da Anvisa, o Instituto Cetro, empresa responsável pelo concurso, fez um relatório sobre as ocorrências. Após avaliar o documento, a instituição resolveu anular as primeiras avaliações e manter a banca, considerando que não houve indícios de fraudes, e sim de ineficiência operacional. A Polícia Federal poderá acompanhar a reaplicação dos testes.

R$ 6.130 na ANS
O ramo de regulação continua oferecendo vagas. Ontem, foi divulgado edital da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) com oferta de 200 oportunidades temporárias para quem tem diploma de nível superior em cursos, como direito, saúde, ciências contábeis, análise de sistemas e administração. Emalguns casos, também será exigido que o candidato tenha mestrado, doutorado ou no mínimo três anos de experiência nas áreas descritas. As remunerações variam de R$ 3,8 mil a R$ 6,13 mil.

A organização está por conta da Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab). Haverá apenas provas objetivas, marcadas para 1º de setembro. As inscrições vão de 2 a 16 de julho, pelo site www.funcab.org, ao custo de R$ 78 a R$ 92.

EBC abre 64 vagas
Sessenta e quatro vagas estão sendo oferecidas pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC). As vagas de níveis médio e superior, são para analista, técnico de operações e técnico de produção. O Instituto Quadrix de Tecnologia e Responsabilidade Social é a banca organizadora. Os salários variam de R$ 1.917 a R$ 3.208. As inscrições vão até 21 de julho, pelo site www.quadrix.org.br. As taxas de participação custam R$ 34 e R$ 58. As seleções estão marcadas para 4 de agosto.

A seleção se dará mediante testes objetivos e discursivos, de caráter eliminatório e classificatório. Os concorrentes ao posto de técnico de produção farão também prova didática. Os aprovados serão contratados para Brasília, Rio de Janeiro, São Luís e São Paulo. As avaliações serão realizadas nas quatro capitais de lotação.

 

Lei dos concursos nosite do Correio

 

Max Kolbe, membro da Comissão de Fiscalização de Concursos Públicos da Ordem dos Advogados do Brasil no DF, esteve ontem na redação do Correio para comentar o projeto de lei do Senado 74/2010, que cria regras para seleções públicas da administração direta e indireta da União. A proposta foi aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça da Casa e seguiu para a Câmara. O especialista, afirmou que o projeto evitará abusos por parte dos órgãos e das bancas, mas algumas questões ainda devem ser revisadas para facilitar o cumprimento da lei. No site www.correiobraziliense.com.br, uma imagem interativa traz comentários em vídeo do jurista, alémde situações que serão resolvidas com a aplicação das novas regras.

Tags:

publicidade

publicidade