SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

CONCURSO »

BC vai exigir novos conteúdos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/08/2013 16:00 / atualizado em 08/08/2013 10:22

O recém-lançado edital do Banco Central (BC), com 15 vagas para procuradores, traz uma novidade para os concurseiros. Diferentemente das disciplinas mais abordadas em processos seletivos, como direito administrativo e constitucional, a aposta da vez é o direito econômico e empresarial. Segundo o professor da Vestcom Carlos Jaques, o BC está à procura de candidatos interdisciplinares, que não apenas decorem, mas entendam o funcionamento das leis.


Segundo Jaques, a dica é ficar de olho especialmente em temas como regulamentação do sistema financeiro nacional, direito da concorrência, sistema brasileiro de pagamento, sistema de intervenção e liquidação extrajudicial de instituições financeiras. “O tema da moda hoje no BC é a liquidação extrajudicial”, garante. O professor explica que desde a crise de 2008 há uma preocupação maior com mecanismos de prevenção.


O direito econômico é uma matéria que se aprofunda na relação entre Estado e economia, ensinou Jaques. Ou seja, não basta decorar, o candidato terá que compreender o funcionamento da economia para ser bem-sucedido na seleção. O professor ressaltou que o aprendizado adquirido ao entrar no BC pode, também, aumentar as oportunidades do profissional caso ele queira migrar para o setor privado. “O mercado paga alto pelo conhecimento que se tem no banco”, garantiu.
 
A seleção

Para concorrer a uma das 15 vagas de procurador, os interessados devem ser graduados em direito e inscritos na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), além de ter, no mínimo, dois anos de prática forense. Uma das vagas é reservada a candidatos com deficiência. A remuneração é de R$ 15.719,13 para jornada de 40 horas semanais. O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) é a banca organizadora.


O concurso será realizado em duas etapas. A primeira inclui a prova objetiva (em 6 de outubro), inscrição definitiva, três exames discursivos e um oral e avaliação de títulos. A segunda fase será o curso de formação, em Brasília, de caráter eliminatório e classificatório. As inscrições vão de 9 a 22 de agosto, pelo site do Cespe (www.cespe.unb.br/concursos), ao custo de R$ 190.

Tags:

publicidade

publicidade