SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

TRABALHO »

420 vagas no Distrito Federal

Metrô e Secretaria da Criança lançam seleções com salários de até R$ 7 mil. Há chances de níveis médio e superior

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 13/12/2013 14:00 / atualizado em 13/12/2013 10:46

Monique Renne
Os concurseiros de Brasília têm duas novas oportunidades de seleções na capital federal. A Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) e a Secretaria de Estado da Criança do DF lançaram ontem certames para a contratação de profissionais — o primeiro órgão oferece 232 vagas e cadastro reserva, e o segundo, 188 oportunidades temporárias. Os salários vão de R$ 1,8 mil a R$ 7 mil.

Publicado ontem no Diário Oficial local, o edital do Metrô-DF descreve que as chances são para postos de níveis médio e superior. Os graduados podem concorrer ao cargo de analista metroferroviário, que foi dividido em duas especialidades.

Na área administrativa, há vagas para administrador, advogado, analista de sistemas, arquivista, assistente social, bibliotecário, contador, economista, médico do trabalho, pedagogo e psicólogo. Na subdivisão “técnica”, as oportunidades são apenas para engenheiros (ambiental, civil, de controle de qualidade, de segurança do trabalho, eletrônico, eletricista, mecânico e de telecomunicações). A remuneração é de R$ 6.480 e de R$ 7.020, respectivamente.

Os candidatos com nível médio disputam os cargos de profissional de suporte metroferroviário, na ocupação de assistente administrativo (salário de
R$ 3.240); de técnico, para quem tem formação técnica em contabilidade, informática, edificações, eletrônica, eletrotécnica, estradas, mecânica, segurança do trabalho e telecomunicações (R$ 3.450); de operador de transporte metroferroviário (R$ 3.240); e de segurança do trabalho (R$ 2.916).

Os interessados podem se inscrever entre 10 de janeiro e 26 de fevereiro de 2014, pelo site www.iades.com.br, do Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades), a banca organizadora. As taxas custam R$ 38, R$ 48 e R$ 58, de acordo com o cargo pretendido. As provas objetivas e discursiva estão agendadas para 13 e 20 de abril, a depender do posto. Além disso, haverá teste de aptidão física para operador de transporte metroviário e profissional de segurança; avaliação de títulos para graduados; avaliação psicológica; e curso de formação (apenas aos aprovados em suporte metroviário).

Mauro Chaves, professor de legislação aplicada ao Metrô-DF do Vestcon, acredita que o cargo mais concorrido será o de operador metroferroviário, que oferece a maior quantidade de vagas: 86. “Certamente, a seleção terá muitas inscrições, é aguardada por muitos estudantes. Conheço alunos que estão estudando há mais de um ano, até mesmo antes da autorização do certame. A disputa vai ser acirrada”, avaliou. “A principal dica é estudar o texto da legislação, já que a banca o transcreverá na prova”, aconselhou.
 
Secretaria
Quem quiser tentar um contrato temporário na Secretaria da Criança tem entre 13 e 15 de dezembro para se inscrever gratuitamente, pelo site www.crianca.df.gov.br. A seleção será feita por meio de avaliação de títulos e experiência. As remunerações variam de R$ 1,8 mil a R$ 4 mil.

Das 188 oportunidades, 150 são para educador social, que exige formação intermediária. As demais distribuem-se entre auxiliar administrativo, coordenador de plantão, instrutor de artesanato, instrutor de serigrafia, instrutor de informática básica, técnico de enfermagem e auxiliar de contabilidade. Há ainda chances para graduados em serviço social, psicologia, pedagogia e contabilidade.
Tags:

publicidade

publicidade