SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

CONCURSOS »

Certames têm 30 mil vagas

Salários variam e podem chegar a R$ 23,9 mil. Candidatos a um posto na área pública precisam ficar atentos aos prazos de inscrição

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 12/05/2014 11:01 / atualizado em 12/05/2014 11:23

Guilherme Araújo

 (Antonio Cunha/CB/D.A Press) 

O salário de professora é muito baixo. Dediquei 6 horas, todos os dias, por seis meses para passar na prova e melhorar minha vida financeira”

Lúcia Miranda, pedagoga


 (Antonio Cunha/CB/D.A Press) 

Os textos de português
e espanhol eram
muito extensos e cansativos”

Rodrigo Dias Macedo,
autônomo, candidato a auditor fiscal da Receita


Interessados em ingressar na carreira pública devem correr contra o tempo para não perder o prazo de inscrição das 30,6 mil vagas de concurso que estão abertas. São oportunidades para profissionais de níveis médio e superior, em âmbito nacional, estadual e municipal. Os salários variam e chegam a R$ 23,9 mil — como no Ministério Público de Pernambuco. Alguns certames encerram as inscrições nesta semana. É o caso do Ministério Público do Rio Grande do Sul, que abriu três vagas de nível superior para assistente social, geólogo e enfermeiro. A taxa de inscrição é de R$ 180 e o prazo de inscrição acaba hoje.

Quem pretende trabalhar na capital federal pode disputar uma das 231 vagas abertas pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal. O processo seletivo conta com 19 vagas de níveis médio e superior para motoristas e farmacêuticos (bioquímico de laboratório). O período de inscrição termina amanhã. As demais vagas são para enfermeiro, técnico de enfermagem e médico, cujo  salário chega a R$ 17,6 mil. Os candidatos podem se cadastrar até quarta-feira. As inscrições do certame da área da saúde são gratuitas e devem ser feitas na sede da secretaria, no Setor de Áreas Isoladas Norte (Sain), Bloco B.

A Cobra Tecnologia, empresa de tecnologia da informação e de suporte de processos do Banco do Brasil, lançou edital para preencher 150 vagas de níveis médio e superior, sendo 100 delas para Brasília. Dessas oportunidades, 110 são destinadas a analistas de operações e 40 a técnicos administrativos, distribuídas por 17 cidades. As inscrições vão até hoje e devem ser feitas pelo site da banca realizadora, o Instituto Quadrix (www.quadrix.org.br). O candidato deve ter completado 18 anos até a data da posse.

Os interessados em ingressar na área militar também devem ficar atentos às oportunidades. Há mil vagas disponíveis de nível médio para soldado de 2ª classe da Polícia Militar de São Paulo. As inscrições vão até 6 de junho e devem ser feitas por meio do site www.vunesp.com.br. O salário é de R$ 2,7 mil. Outras 520 vagas de nível médio para policial militar da Paraíba também estão abertas. As inscrições vão até 8 de junho pelo site www.ibfc.org.br. O Exército também lançou edital com 1.380 postos de técnicos de enfermagem, músicos e combatentes logístico-técnicos de aviação.
Hoje não, mamãe


O Dia das Mães não foi motivo de descanso para muitos concurseiros que buscam um emprego estável na área pública. Boa parte dos 68,5 mil inscritos concorreram ontem a uma das 278 vagas da seleção para auditor fiscal da Receita Federal. Apesar do número alto de participantes no certame, os candidatos disseram ao Correio que o número de desistências foi alto, pois havia muitas cadeiras vazias. Na manhã de ontem, foi aplicada a prova objetiva de conhecimentos gerais, com duração de quatro horas. O exame de conhecimentos específicos foi na parte da tarde.

As questões elaboradas pela Escola de Administração Fazendária (Esaf), banca organizadora do certame, passaram por conhecimentos gerais, questões de língua portuguesa, espanhol ou inglês, raciocínio lógico, administração geral e pública, direito constitucional e direito administrativo.

Já no exame de conhecimentos específicos o candidato precisou ter domínio de direito tributário, auditoria, contabilidade geral e avançada, legislação tributária e comércio internacional e legislação aduaneira. No sábado, os inscritos haviam feito a prova discursiva. Os temas foram sobre direito tributário e comércio internacional e legislação aduaneira.

Mesmo com poucos dias de estudo, o profissional autônomo Rodrigo Dias Macedo, 35 anos, participou do processo seletivo. Ele achou a prova desgastante. “Os textos de português e espanhol eram muito extensos e cansativos”, relatou. Rodrigo disse que decidiu concorrer à área fiscal porque possui alguns parentes que já atuam na área. “O salário também é bem atraente”, afirmou. Caso não consiga se tornar auditor fiscal, ele já tem outra oportunidade em vista: “Vou me inscrever para a prova do Serviço Florestal Brasileiro em junho”.
A economista Fernanda Paim Gomes, 26, também achou a prova cansativa e disse que a correção gramatical pode prejudicá-la. “A de conhecimentos gerais estava bem puxada”, observou. Em busca de uma melhoria salarial, a pedagoga Lúcia Fátima Vieira Miranda concorreu a uma vaga de auditora fiscal. “O salário de professora é muito baixo. Dediquei 6 horas, todos os dias, por seis meses para passar na prova e melhorar minha vida financeira”, ressaltou. 
Fique ligado


Veja algumas oportunidades abertas de nível médio e superior para ingressar na carreira pública
    
Órgão                                                                  Salário (R$)                           Vagas                   Inscrição
    
Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região         23,9 mil                                 1                          Até 5 de junho
Ministério Público de Pernambuco                       13, 3 mil                               15                          Até 27 de maio
Ministério Público do Rio Grande do Sul                 9,5 mil                                 3                             Até hoje (12)
Tribunal Regional do Trabalho da Paraíb   De 5 mil a 8 mil                               33                          Até 6 de junho
Serviço Florestal Brasileiro                                      6,9 mil                               24                  Até sexta-feira (16)
Advocacia-Geral da União (AGU)                 De 3mil a 5 mil                               60                        Até 18 de maio
Secretaria de Portos                                 De 2,8 a 5,3 mil                               40                         Até 18 de maio
Secretaria de Saúde do DF                De 1,7 mil a 17,6 mil                             231    Gratuitas até quarta-feira (14)
Prefeitura de Apuiarés (SC)                     De 724 a 2,6 mil                             129                               Até hoje (12)
Exército    não informado                                          1.380                                                               Até 7 de julho

Fonte: Eu Estudante
Tags:

publicidade

publicidade