SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Diz ministro

Governo pode ampliar prazo para renovar contratos do Fies se necessário

Luiz Cláudio Costa, que ocupa interinamente o cargo de ministro da Educação, participou de comissão geral na Câmara nesta manhã. Debate foi encerrado.

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 25/03/2015 13:43

Agência Câmara

O ministro interino da Educação, Luiz Cláudio Costa, disse que, se for necessário, o governo vai prorrogar o prazo para renovação de contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O prazo termina em 30 de abril, mas poderá ser prorrogado a fim de que todos os 1,9 milhão de estudantes hoje participantes do programa aditem seus contratos.

Luiz Cláudio Costa participou na Câmara dos Deputados de comissão geral encerrada há pouco que discutiu alterações promovidas pelo governo no Fies. Para este ano, entre outras medidas, o governo estabeleceu um limite de até 6,4% para o reajuste das mensalidades de cursos financiados pelo programa. Aumentos maiores que este deverão ser revistos. As mudanças levaram alunos a terem dificuldade de renovar seus contratos.

 

“Os problemas levantados estão resolvidos. Existe o compromisso do governo federal de aditar todos os 1,9 milhão de contratos. Na data de hoje, 1,2 milhão já o fizeram. De que crise estamos falando? Pra que fila em porta de faculdade se temos prazo até 30 de abril? Todos estarão em sala de aula”, disse o ministro.

 

Ele lembrou ainda que uma comissão técnica formada pelo governo nesta terça-feira (24) analisará aumentos de mensalidades e deixou claro que os abusos não serão acatados. “Acataremos os aumentos maiores se forem para benefício do estudante. Agora, aumentos abusivos nós não acataremos.”

publicidade

publicidade