SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Cartão de confirmação do Enem será disponibilizado nesta sexta (2)

Diferentemente dos anos anteriores, documento com local e horários da aplicação não será enviado para a residência do candidato. Provas ocorrem em 24 e 25 de outubro

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 02/10/2015 12:00 / atualizado em 02/10/2015 12:18

Paula Braga /Especial para o Correio

O cartão de confirmação para os alunos que estão inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano, que terá provas realizadas em 24 e 25 de outubro, estará disponível exclusivamente na página do participante no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a partir das 14h desta sexta-feira (2). Diferentemente dos anos anteriores, nesta edição o documento não será enviado para a residência do candidato. A nova medida irá gerar uma economia de R$ 16,5 milhões, que eram gastos com a impressão e distribuição dos cartões.

Reprodução/Portal do Inep
Os estudantes deverão utilizar o CPF e a senha cadastrada no momento da inscrição para visualizar o documento. O cartão de confirmação contém a data, hora e local de realização da prova; a opção de língua estrangeira feita pela candidato e as solicitações de atendimento especializado ou específico e certificação do ensino médio (caso haja); além dos dados pessoais do estudante.

Segundo o presidente do Inep Chico Soares, a mudança na edição deste ano ocorreu por dois motivos: redução de custos e adequação ao perfil dos candidatos. “A maioria dos alunos está familiarizada com o ambiente a internet. A recomendação é que os estudantes imprimam o cartão e levem para o local de prova”, disse. O instituto recomenda ainda que o candidato verifique com antecedência a validação da inscrição e o local onde realizará as provas. Além disso, é aconselhável que o estudante conheça anteriormente o trajeto até o local de prova para evitar atrasos no dia da aplicação.

Aqueles candidatos que não lembram a senha cadastrada no momento da inscrição poderão recuperá-la na página de acesso. Eles receberão uma nova chave de acesso por e-mail ou SMS (opção inserida no sistema neste ano).

Mudanças no edital

A edição do exame deste ano trouxe algumas mudanças. Além do aumento da taxa de inscrição (que passou de R$ 35 para R$ 63), o edital prevê a perda do benefício de isenção para o ano seguinte daqueles candidatos isentos que não comparecerem aos dois dias de provas.

Outra mudança em relação às edições anteriores é o horário de início das provas, marcadas para começar meia hora mais tarde – às 13h30. Os portões serão abertos ao meio-dia e fechados às 13h, no horário de Brasília. Os 30 minutos serão usados para procedimentos de segurança, como utilização de detectores de metal. “Os malotes de provas serão abertos com todos os estudantes em sala, na presença de um certificador. São mudanças que representam um passo a mais na direção de garantir maior segurança do exame”, explicou Chico Soares.

publicidade

publicidade