SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Fies oferece 250 mil bolsas no primeiro semestre

Dados foram apresentados pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante, em entrevista coletiva. Neste ano, a prioridade será para quem fará a primeira graduação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/01/2016 16:03 / atualizado em 29/01/2016 12:32

Jéssica Gotlib /Especial para o Correio

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) tem 1.337 instituições cadastradas com 25.323 cursos e 250.279 vagas em todo o Brasil. Durante entrevista coletiva, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, falou sobre o tema e também divulgou balanço do Programa Universidade para Todos (Prouni). Para ele, a queda no número de universidades cadastradas ao Fies se deve à reestruturação do financiamento que ocorreu no ano passado e também ao orçamento reduzido da pasta provocado pela crise econômica.

 

As inscrições começaram nesta terça (26) às 17h pelo site do Fies e vão até sexta-feira (29). Nos primeiros 10 minutos em funcionamento, o sistema recebeu 6 mil inscrições. Para participar, o aluno deve ter renda familiar per capta de até dois salários mínimos e meio, além de ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nas edições de 2010 a 2015. Pessoas que pretendem fazer a primeira graduação ganharam prioridade.

 

As áreas com maior oferta são engenharias, formação de professores e saúde, que juntas representam 63% das oportunidades. Nessa última, os cursos com maior número de vagas são enfermagem e psicologia, seguidos por fisioterapia. Segundo o ministro, nesta edição foram priozados cursos com melhor desempenho no Enade, instituições que obtiveram 4 e 5 são 65% das cadastradas.

 

Desde o ano passado, as faculdades têm que dar um desconto de 5% na mensalidade para quem ingressar pelo programa. Sobre problemas com inadimplência no Fies, Mercadante informou que ela é menor no programa que qualquer outro financiamento. A taxa registrada no novo modelo é de 3,4%. "Absolutamente residual", exclamou.

 

Para quem já participa do Fies, o adiantamento dos contratos começa no próximo dia 8.

 

Prouni

O Programa Universidade para Todos (Prouni) teve 1.599.808 inscritos e 3.108.422 inscrições. Maior concorrência por bolsa que no ano passado. Foram 1.208.508 candidaturas para cotas, 38% do total.

 

O ministro ressaltou a importância de não perder a data para comprovar as informações nas inscrições. "Quem não apresentar os documentos até primeiro de fevereiro passa a vaga para outra pessoa. Aos jovens, atenção e boa sorte", disse. Os cursos mais procurados foram engenharias, administração e direito. As maiores notas de corte foram para medicina, 791,66 em Fortaleza, 789,72 em Goiânia; e direito 791,04 em Araras (SP).

publicidade

publicidade