SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Taxa de inscrição do Enem deve ser paga até esta quarta-feira (25)

Mais de 9,2 milhões de pessoas se inscreveram e devem pagar a taxa de inscrição até hoje; prova será realizada em 5 e 6 de novembro e, neste ano, haverá verificação biométrica da identidade dos candidatos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 23/05/2016 17:31 / atualizado em 25/05/2016 15:27

Inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) devem pagar a taxa de inscrição até esta quarta-feira (25). Segundo dados do Inep, divulgados em entrevista coletiva pelo ministro da Educação, Mendonça Filho, 28% dos candidatos são pagantes e devem quitar o boleto de R$ 68 até esta quarta-feira (25/5) em qualquer agência bancária, agência dos correios ou casa lotérica. A taxa de pagantes caiu 12% em relação ao ano passado e é a menor desde 2013.

 

O Enem deste ano teve o segundo maior número de inscritos da história, 9.276.328, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O primeiro lugar continua com o Enem 2014, quando 9.490.952 pessoas se inscreveram. A cifra ainda poderá sofrer alterações, uma vez que as inscrições só são confirmadas após pagamento de boleto.

 

De acordo com levantamento, as regiões Sudeste e Nordeste concentram mais de 60% dos participantes (35,86% e 32,12%, respectivamente). Em seguida estão Sul (11,93%), Norte (11,16%) e Centro-Oeste (8,94%).

 

Entre os inscritos, a maioria é mulher (57,37%) e negra (13,8% preta e 45,92% parda). Os pedidos de atendimento especializado, para pessoas com baixa visão, cegueira, visão monocular, deficiência física, deficiência auditiva, surdez, deficiência intelectual (mental), surdocegueira, dislexia, déficit de atenção, autismo, discalculia ou com outra condição especial; foram 72 mil. Esses participantes precisam apresentar laudo médico assinado comprovando a condição alegada para garantir o direito.

 

Já para atendimento específico, como nos casos de gestantes, lactantes, idosos, estudantes em classe hospitalar e sabatistas; somaram 107,4 mil.

 

Transexuais e travestis que solicitaram uso do nome social devem enviar ao Inep formulários específico que deve ser preenchido no site do Enem entre 1º e 8 de junho.

 

Inovação
O Enem 2016 será marcado por três grandes mudanças. Pela primeira vez, será utilizada a coleta de impressão digital no dia da prova para identificar os candidatos. A medida visa reduzir o número de fraudes durante o exame.

 

Além disso, os participantes que apresentaram documento comprobatório para atendimento especializado na edição 2015 não precisam reenviá-lo neste ano. A última novidade é o aplicativo de acompanhamento para smartfones e tablets lançado pelo Inep que estará acessível a partir de 1º de junho.

 

Hora do Enem

A plataforma Hora do Enem, lançada neste ano pelo MEC, disponibiliza gratuitamente um plano de estudos individual para quem quer se preparar para o exame. O estudante faz um cadastro no qual preenche o curso que pretende cursar. O site também permite ao candidato participar de simulados nacionais, além de ter acesso ao Mecflix, portal com mais de 1,2 mil videoaulas.

 

publicidade

publicidade