SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

GUIA DE CONCURSOS »

Quer trabalhar em Goiás?

A Metrobus, concessionária que administra o Eixo Anhanguera, está com 238 oportunidades de nível fundamental, médio e superior. Salários variam de R$ 1,6 a R$ 7,4 mil

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/09/2016 10:29 / atualizado em 05/09/2016 18:23

Arquivo Pesssoal

 

A Metrobus Transporte Coletivo S/A oferece 238 vagas em Goiás. Candidatos de nível fundamental podem concorrer ao cargo de auxiliar de eletrotécnica (8), de manutenção (6), borracheiro (2), eletricista de autos (2), lanterneiro (7), mecânico (12), motorista I (113) e II (70), e pintor de autos (4). Para os primeiros postos, os salários variam de R$ 1.140 a R$ 2.204,93. Para nível médio, são ofertadas 10 vagas para assistente administrativo, com remuneração de R$ 1.690,14, e para técnico de segurança do trabalho, uma vaga, com o vencimento de R$ 2.180. Há também chances para nível superior  nas áreas de engenharia de segurança do trabalho (1), médico do trabalho (1) e psicólogo (1). Os salários variam de R$ 3.630 até R$ 7.480.

Entenda a seleção
A banca examinadora é do Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade). A prova, que é de caráter eliminatório e classificatóriol será aplicada em 18 de setembro em Goiânia (GO). A avaliação de ensino fundamental para auxiliar de eletrotécnica e de manutenção, borracheiro, eletricista de autos, lanterneiro, mecânico e pintor de autos será composta de 40 questões, sendo de língua portuguesa (15), raciocínio lógico (15) e realidade ética, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do estado de Goiás e do Brasil (10). A de ensino fundamental para motorista I e II  terá 50 questões, sendo 15 de língua portuguesa, 5 de realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do Estado de Goiás e do Brasil, 10 de raciocínio lógico, 20 de conhecimentos específicos.


Para o ensino médio, serão 15 questões de língua portuguesa, 10 de  raciocínio lógico, 5 de noções de informática e 10 de conhecimentos específicos. A avaliação do ensino superior será constituída pela língua portuguesa (10), realidade ética, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do Estado de Goiás e do Brasil (5), noções de informática (10), raciocínio lógico (10) e conhecimentos específicos (15).


A segunda etapa de caráter eliminatório para os cargos de motorista I e II  valerá 20 pontos, e o candidato deverá obter pelo menos 50% dos pontos. O veículo que vai ser utilizado é o ônibus articulado e biarticulado, chassi Volvo B12M, carroceria Neobus Mega BRT, modelo 2011/2012 ou modelo 2014. O tempo de duração não poderá ultrapassar 20 minutos. O participante deve ter a CNH de acordo com a categoria exigida para o cargo escolhido. A última etapa para todos os cargos é de perícias médicas e exames admissionais, de caráter eliminatório.

Dicas
Segundo a professora de português do curso Alub Selma Frasão, na parte de língua portuguesa existe uma conexão entre os conteúdos, ou seja, na maioria das vezes, um assunto é preliminar para outro. “Portanto, havendo um estudo sistemático, com certeza, as dificuldades serão amenizadas. Entretanto, há conteúdos que exigem uma maior atenção — regência verbal e nominal, crase, concordância, período composto, pontuação, interpretação e compreensão de texto”, explica.


Já na matéria de raciocínio lógico, o professor do Estratégia Concursos Arthur Rodrigue afirma que existem dois assuntos principais: raciocínio lógico propriamente dito e lógica de argumentação. “Nesse primeiro conteúdo, entram as questões envolvendo sequências de números, letras, figuras, identificação de padrões lógicos, além dos modelos clássicos de questões sobre estruturas lógicas, em especial, sobre verdades e mentiras, associações lógicas, perguntas que testam a orientação espacial e temporal do candidato, e aquelas em que  é necessário saber manipular um calendário”, exemplifica. Sobre a segunda matéria, o docente comenta que devem aparecer mais questões sobre negação de proposições, equivalência entre proposições, análise da validade de argumentos, obtenção da conclusão de argumentos, uso de diagramas lógicos, entre outros.


De acordo com o professor de geografia e atualidades do Gran Cursos Online Júlio Cezar dos Santos, nas questões referentes à matéria de realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do Estado de Goiás e do Brasil, o candidato deve ter conhecimento do período colonial, político, econômico e sobre pessoas influentes na história do estado. Também é importante saber sobre a antiga e atual mineração e sobre a formação e constituição de Goiás. “Outros assuntos que podem estar presentes na prova são: República Velha, Revolução de 30 e sobre o estado ser considerado uma referência agropecáuária”, comenta. Segundo Júlio Cezar, a matéria não é difícil, mas o volume de informações é grande e, por isso, exige dedicação. “O participante tem que estudar cronologicamente, pois um conteúdo faz parte do outro”, explica.

Estabilidade
Luciana Rios, 31 anos, mora em Goiânia (GO) e concorrerá ao cargo de assistente administrativo. Ela conta que começou no mundo dos concursos sem um foco específico e está na terceira prova. Luciana é formada em administração e turismo e pós-graduada em gestão de pessoas pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC) . Ela decidiu fazer o concurso pela questão da estabilidade e por ser em uma área de interesse pessoal. “Estou confiante, pois tive uma base muito boa durante o ensino fundamental e médio e, apesar de serem poucas vagas, acredito que vou me sair bem”, afirma.
Para o certame, ela aposta em fazer um cursinho presencial para ter disciplina e se preparar melhor para a avaliação. “Estudo cerca de três a quatro  horas por dia, inclusive nos fins de semana e, agora, comecei a refazer provas de concursos anteriores”, diz.

 

Passe bem/Realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultura, política e econômica do Estado de Goiás e do Brasil

 

A partir da Proclamação da República em 1889 houve um governo provisório com Marechal Deodoro da Fonseca até a constituição de 1891. A primeira constituição republicana dos Estados Unidos do Brasil foi promulgada em 24 de fevereiro de 1891, estando entre os presentes os senadores José Joaquim de Sousa e Antônio Canedo, ambos de Goiás, além dos deputados Leopoldo de Bulhões, Joaquim Xavier Guimarães Natal e Sebastião Fleury Curado.
A Constituição de 1891 mudou a condição de província para estado. Nesse período, a eleição presidencial indireta leva Deodoro da Fonseca e Floriano Peixoto ao comando do país. Deodoro se desentende com o Congresso, governou sob estado de sítio, quando ocorreu o movimento de Revolta da armada”, o que o levou à renúncia.  Floriano Peixoto assume o poder e é desencadeada  uma crise das constituições estaduais e a um choque de interesses em Goiás. A partir do contexto acima retratado podemos afirmar que:
a) É nesse período que Constâncio Ribeiro da Maya (do clã Fleury) desenvolve uma política anti-bulhônica e adia sucessivamente a reunião da constituinte estadual.
b) A Constituição dos Bulhões é outorgada em 1/6/1891 com enorme comoção e aval popular durante o governo de Deodoro.
c) Apesar de ser um período histórico de pouca influência dos grandes comerciantes e latifundiários estes usavam de seu prestígio econômico para alcançar dividendos políticos, obrigando eleitores a votar em seus candidatos.
d) A Constituinte dos Bulhões é dissolvida pelo 20º batalhão e uma nova constituinte é instalada e promulgada em 1/12/1891.

Comentário:
b) A Cconstituição dos Bulhões é promulgada no ano de 1891 somente após a renúncia de Deodoro em função do episódio da Revolta Armada, assumindo Floriano Peixoto.
c) O coronelismo tem grande influência nesse período, inclusive o predomínio do poder local, clientelismo e o voto de cabresto.
d) É a Constituinte de 1891 que é dissolvida e não a dos bulhões como informado pela assertiva.

Questão elaborada e resolvida pelo professor de geografia e atualidades do Gran Cursos Online Júlio Cezar dos Santos. 

 

GABARITO -  LETRA A

 

O que diz o edital

Concurso para ensino
fundamental, médio e superior
Vagas: 238
Salários: de R$ 1,6 mil a R$ 7,4 mil
Provas: 18 de setembro
Local: Goiânia (GO)

publicidade

publicidade