SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Abstenção na prova do Enem no DF é de 31,1%, maior que a média nacional

Ao todo, 159 mil candidatos participaram do exame em Brasília em 206 locais de aplicação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 06/11/2016 21:14 / atualizado em 07/11/2016 12:05

Ana Viriato - Esp. para o CB /

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) mobilizou, neste domingo (6/11), 159.253 candidatos em Brasília. A abstenção nas provas foi de 31,1%, valor acima da média nacional, que ficou em 30%, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Ao todo, 206 instituições de ensino do DF sediaram a aplicação do teste. 

 

Os inscritos realizaram, hoje, questões referente a Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e matemática, além da redação. A aplicação das avaliações começou às 13h30, e os estudantes tiveram até as 19h para finalizar o exame. 

 

Segundo professores brasilienses e paulistas, o teste atingiu o nível médio de dificuldade. Em matemática, houve predomínio dos itens referentes à porcentagem e aos conjuntos numéricos. O exame apresentou, ainda, uma quantidade elevada de gráficos e tabelas. Na prova de linguagens, em outra vertente, abordou uma gama de autores contemporâneos e de gêneros textuais. O tema da redação surpreendeu alguns: "Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil". 

 

O Correio publicou os gabaritos extraoficiais do Enem 2016, divulgados por algumas instituições de ensino. Professores comentaram os itens de linguagens e matemática, além da redação, na página do jornal no Facebook

 

Provas adiadas

 

O Inep adiou, para 3 e 4 de dezembro, as provas de pouco mais de 8 mil candidatos que realizariam o exame em locais ocupados por manifestantes contrários à reforma do Ensino Médio e à Proposta de Emenda à Constituição que limita os gastos públicos durante os próximos 20 anos. 

 

publicidade

publicidade